Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 12 de maio de 2019.
Dia da Enfermagem. Dia das Mães.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

basquete

12/05/2019 - 22h03min. Alterada em 12/05 às 22h03min

Com 37 pontos de McCollum, Blazers batem os Nuggets e vão à final do Oeste na NBA

CJ McCollum foi o destaque da partida

CJ McCollum foi o destaque da partida


Bart Young/NBAE via Getty Images/AFP/JC
Estadão Conteúdo
Sob a liderança do ala/armador CJ McCollum, que marcou 37 pontos na partida, o Portland Trail Blazers virou uma desvantagem de 17 pontos no intervalo e derrotou o Denver Nuggets por 100 a 96, fora de casa, neste domingo à tarde, no jogo 7 da semifinal da Conferência Oeste da NBA. Com o resultado, o time do Oregon vai pegar o atual bicampeão Golden State Warriors a partir da próxima terça-feira para definir quem será o representante da conferência na finalíssima da liga de basquete dos Estados Unidos.
O jogo começou muito parecido com a quinta partida da série, com os Nuggets abrindo uma vantagem de 39 a 22 na metade do segundo quarto e dando a impressão de que seria mais uma lavada no Pepsi Center, em Denver. O time de Damian Lillard começou uma reação tímida ainda no primeiro tempo e foi para os vestiários perdendo por 48 a 39.
No segundo tempo começou a reação dos visitantes. Portland ganhou o terceiro quarto por 32 a 24 e levou o jogo para os 12 minutos finais com somente um ponto de diferença no placar. Foi no período final que o ala/armador Evan Turner, que veio do banco e havia marcado somente quatro pontos nos seis primeiros jogos da série, marcou dez pontos e ajudou o time a conseguir a classificação.
Damian Lillard não repetiu a boa performance do sexto jogo, acertando só três de 17 tentativas de dois pontos, mas quase conseguiu o "triple-double" com 13 pontos, dez rebotes e oito assistências, além de ter marcado duas cestas de três pontos que definiram a vitória dos Blazers fora de casa. O pivô turco Enes Kanter também fez um "double-double" para os visitantes, marcando 12 pontos e liderando o time com 13 rebotes.
A má notícia para os Blazers foi a lesão do ala Rodney Hood, que havia marcado seis pontos até então na partida e vinha sendo peça importante no banco do técnico do Terry Stotts. Ele sentiu o joelho durante o terceiro quarto e pode ser desfalque para o time no restante dos playoffs da NBA.
Para o Denver Nuggets, a decepção da eliminação encerra a boa temporada que o time fez. Campeão da divisão noroeste da NBA e segundo colocado geral da conferência geral nos playoffs, o time terá de limpar os vestiários mais cedo do que gostariam no mata-mata.
Como vinha acontecendo na série, o pivô sérvio Nikola Jokic foi o grande destaque do Nuggets na derrota no jogo 7 ao liderar o time com um "double-double" de 29 pontos e 13 rebotes. O ala Gary Harris também contribuiu para o time com 16 pontos, seis rebotes e três assistências.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia