Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 01 de outubro de 2018.
Dia Nacional do Idoso e Dia do Vendedor.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

grêmio

Alterada em 01/10 às 13h32min

Grêmio lança título de capitalização para torcedores

Segundo Bolzan, produto é um canal de formação de receitas e de relacionamento com torcedor

Segundo Bolzan, produto é um canal de formação de receitas e de relacionamento com torcedor


MARCELO G. RIBEIRO/JC
Guilherme Daroit
A partir da meia-noite desta terça-feira (2), os torcedores gremistas já poderão adquirir números do Grêmio Mais, título de capitalização lançado pelo clube junto a parceiros. O programa terá sorteios semanais aos sábados, utilizando os resultados da Loteria Federal, e premiará 111 torcedores a cada semana com valores de R$ 412,50 a R$ 41.250,00. Os bilhetes custarão R$ 10,00 cada e darão acesso a conteúdo multimídia sobre a história do clube e dois números para concorrer aos prêmios.
Segundo o presidente do Grêmio, Romildo Bolzan, o produto é um canal de formação de receitas e, também, de relacionamento com os torcedores. “O Grêmio está muito confiante que é um processo de sucesso, um produto relevante e inédito entre os clubes”, afirmou Bolzan. O primeiro sorteio será realizado no sábado, 13.
A gestão do Grêmio Mais será feita pela IDT, ligada ao empresário gaúcho José Renato Hopf (fundador da Getnet e da 4all). As vendas serão feitas digitalmente, por aplicativo e site oficiais do Grêmio, e, em parceria com redes de recarga de celular, também em pontos de venda como tabacarias, bazares e mercados por meio de máquinas de adquirência.
A partir desta terça, segundo o CEO da IDT, Jorge Ferreira, cerca de 100 pontos na Capital já estarão aptos a vender os bilhetes. Nos próximos dias, o objetivo é chegar a 3 mil pontos na região de DDD 51, e, até novembro, a 17 mil pontos de venda em todo o Rio Grande do Sul.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia