Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 19 de setembro de 2018.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Inter

Alterada em 19/09 às 18h52min

Moledo sofre lesão muscular e desfalca Inter por um mês; Dourado volta a sentir

Hellmann terá problemas para escalar a defesa do Internacional contra o Corinthians

Hellmann terá problemas para escalar a defesa do Internacional contra o Corinthians


RICARDO DUARTE/INTER/DIVULGAÇÃO/JC
Estadão Conteúdo
Dois dias depois da derrota para a Chapecoense na Arena Condá e da decepção pela perda da liderança do Campeonato Brasileiro, a reapresentação do Internacional nesta quarta-feira também não aconteceu da forma que o técnico Odair Hellmann esperava. O comandante colorado foi noticiado da lesão de Rodrigo Moledo, que o afastará dos gramados por cerca de um mês, e viu Rodrigo Dourado novamente virar preocupação.
Moledo atuou ao longo dos 90 minutos da queda por 2 a 1 em Chapecó, mas, nesta quarta-feira, o Inter revelou que ele teve uma lesão muscular diagnosticada. De acordo com o próprio clube, a previsão de afastamento para o zagueiro é de 30 dias.
A expectativa, então, era de que Rodrigo Dourado pudesse ser a boa notícia do dia. Desfalque na segunda-feira por causa de dores no pé direito, o volante até iniciou normalmente o treino com bola nesta quarta, mas, já na reta final, voltou a acusar o incômodo no local e precisou deixar o gramado.
Com isso, Dourado voltou a preocupar e se tornou dúvida para a partida diante do Corinthians neste domingo, em São Paulo, pela 26.ª rodada do Campeonato Brasileiro. Por conta da lesão, Moledo é desfalque certo.
Odair terá que quebrar a cabeça para montar a defesa do Inter. Afinal, Victor Cuesta foi expulso diante da Chapecoense e também está fora. Emerson Santos e Klaus são os favoritos a substituir a dupla.
Outra dor de cabeça para o treinador está mais à frente. Nico López deixou o confronto com a Chapecoense mais cedo, com um problema na perna esquerda, e ficou na parte interna do CT nesta quarta. A expectativa é de que o uruguaio volte a trabalhar durante a semana, mas ele também preocupa.
Com tantos problemas, Odair deve definir o time somente durante a semana, mas uma possível escalação do Inter para o domingo é: Marcelo Lomba; Zeca, Klaus, Emerson Santos e Iago; Rodrigo Dourado (Gabriel Dias), Edenílson, Patrick, Nico López (Rossi) e William Pottker; Jonatan Alvez.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia