Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 25 de julho de 2018.
Dia do Escritor. Dia do Motorista .

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Campeonato Brasileiro

Edição impressa de 25/07/2018. Alterada em 25/07 às 01h00min

Com Dourado suspenso, Charles e Gabriel Dias brigam por vaga no Inter

O técnico Odair Hellmann não contará com o Rodrigo Dourado, suspenso, para a partida contra o América-MG, amanhã, às 20h, fora de casa, pelo Brasileirão. Para substituir o volante, Gabriel Dias surge como preferido, já que entrou durante a vitória do Inter sobre o Ceará, na segunda-feira. No entanto, o jovem Charles também aparece como candidato à vaga.
Ontem, os jogadores que atuaram diante dos cearenses realizaram trabalho regenerativo. A dúvida que fica é se Hellmann utilizará o meia D'Alessandro e o atacante Leandro Damião desde o início em Belo Horizonte. Os dois retornaram ao time na segunda-feira, após um período afastados por lesão. O treinamento de hoje deve encaminhar a equipe para encarar o Coelho.
Quem também volta a ficar à disposição é o atacante Lucca, que cumpriu suspensão na última rodada. Já o zagueiro Rodrigo Moledo está em fase final da recuperação de um desconforto no joelho direito e deve retornar em agosto.
Algumas questões fora de campo movimentam os bastidores do futebol colorado. O zagueiro Paulão, emprestado ao Vasco, no início do ano, solicitou sua rescisão de contrato com o clube carioca, mas não voltará para Porto Alegre. Sem ser aproveitado no Rio de Janeiro, o defensor deve reforçar o América-MG.
Já o atacante Nilmar voltou a ser pauta no Beira-Rio. Afastado dos gramados há mais de um ano, após rescindir com o Santos, o ex-jogador colorado foi diagnosticado com depressão. O vice de futebol do Inter, Roberto Melo, disse que as portas do clube sempre estarão abertas ao atleta, caso ele esteja disposto a voltar a jogar profissionalmente.
No âmbito judicial, o clube e o atacante Adriano Gabiru chegaram a um acordo para definir alguns valores em atraso, questionados pelo ex-jogador. A quantia não foi revelada por nenhuma das partes. 
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia