Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 27 de junho de 2018.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

copa 2018

Notícia da edição impressa de 27/06/2018. Alterada em 27/06 às 01h00min

Depois de drama, Alemanha joga pela classificação

Atual campeã, seleção alemã chega à última rodada precisando vencer

Atual campeã, seleção alemã chega à última rodada precisando vencer


SAEED KHAN/AFP/JC
O gol de Toni Kroos, aos 50 minutos do segundo tempo contra a Suécia, foi a diferença entre a eliminação e a sobrevivência para a Alemanha. Agora, a seleção conduzida por Joachim Löw precisa fazer a segunda parte da tarefa: só uma vitória diante da Coreia do Sul, às 11h de hoje, em Kazan, coloca os alemães nas oitavas de final da Copa. A situação do Grupo F, porém, é complexa, e todas as quatro concorrentes seguem com chances - inclusive os sul-coreanos, ainda que estejam na lanterna e sem nenhum ponto até o começo da rodada decisiva.
Atuais campeões do mundo e tidos como favoritos no início do torneio, os germânicos só confirmariam a ponta em caso de uma estrondosa goleada sobre os asiáticos, combinada com uma vitória sueca no outro jogo do grupo. Mas dificilmente os alemães vão torcer pela seleção vinda da Escandinávia, já que o resultado poderia causar uma tremenda confusão nos critérios de desempate.
Caso ocorra um duplo 1 a 0, favorecendo Alemanha e Suécia, a definição da vaga pode ir até para o critério do fair play, adotado pela primeira vez no Mundial deste ano. No caso, ambos empatariam com o México em todos os demais critérios - e aí o cartão vermelho sofrido por Boateng, que o tira do jogo de hoje, pode também definir a eliminação alemã.
Para os sul-coreanos, a matemática ainda oferece alguma esperança. Eles precisariam vencer a Alemanha e torcer pelo México no jogo contra os suecos. Assim, os latinos seriam líderes, mas haveria um empate triplo na segunda colocação, ficando a definição na dependência de quantos gols cada equipe marcar na rodada final.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia