Porto Alegre, terça-feira, 18 de dezembro de 2018.
Dia Internacional do Migrante.

Jornal do Comércio

COMENTAR | CORRIGIR

Sociedades Cooperativas

Notícia da edição impressa de 19/12/2018. Alterada em 18/12 às 23h00min

Unimed Federação, parcerias com colaboradores em nome da solidariedade

Expansão da sede comprova efetividade das ações de conscientização

Expansão da sede comprova efetividade das ações de conscientização


/DUDU LEAL/DIVULGAÇÃO/JC
Carlos Villela
Presente em todas as cidades gaúchas, a Federação das Cooperativas Médicas do Rio Grande do Sul (Unimed/RS) foi a vencedora do Troféu Responsabilidade Social pelo trabalho de bem-estar e sustentabilidade promovido pela empresa no último ano. "Para quem lida com saúde, alem dos valores inerentes, é muito importante ter uma reputação", diz o diretor do Instituto Unimed-RS, Alcides Mandelli Stumpf.
Dentre os projetos sociais promovidos pela entidade, o diretor destaca as ações de conscientização para a prevenção da gravidez na adolescência - 20% do total de gravidezes, e "um problema muito sério" de acordo com Stumpf. Em parcerias com secretarias da Saúde e Educação dos municípios gaúchos, a Unimed promove palestras para alunos de 11 a 19 anos em escolas com base nos métodos desenvolvidos pelo Instituto Kaplan, organização que tem como foco projetos de educação e responsabilidade sexual. Stumpf comemora que o projeto vem dando resultados, e que algumas regiões apresentaram uma redução de até 12% nos índices. "A Unimed é uma cooperativa, e todas as cooperativas tem seus princípios", afirma. "O sétimo princípio do cooperativismo é agir na comunidade que a cooperativa atua", completa.
A Unimed/RS também investiu em ações sociais diretamente com os cooperativados e integrantes. O Programa Doador Fiel foi desenvolvido em 2013 para incentivar tanto colaboradores quanto diretores a fazer doações regulares de sangue, contribuindo com o Banco de Sangue do Hospital de Clínicas, instituição que é parceira da Unimed-RS. Em 2017 o programa investiu em ações de conscientização e mobilização, fazendo com que um total 33,6 litros de sangue fossem coletados após 70 doações, de modo que 280 pessoas foram beneficiadas.
A instituição comandou também ações internas de sustentabilidade com o Programa Colaborador Consciente, feito para incentivar o consumo consciente e a diminuição da produção de lixo por parte dos integrantes da empresa, assim como as campanhas de arrecadação Eu Ajudo na Lata e Tampinha Solidária. Com os lacres de latinhas recolhidos na primeira, a Unimed troca por cadeiras de rodas, que são doadas para instituições parceiras. Já as tampinhas recolhidas com a segunda campanha são vendidas, e o valor obtido é destinado para a construção da Brinquedoteca do Instituto do Câncer Infantil.
O aumento da sede física da Unimed, que passou a operar em mais um prédio após a expansão de suas atividades, colocou em prova a efetividade dos projetos de conscientização, e a comparação de resultados mostra que esses projetos surtiram efeito. Mesmo com uma estrutura maior, se percebeu uma queda na quantidade de metros cúbicos de água consumidos, e um aumento na conta de luz que, de acordo com o relatório social da empresa, ainda é baixo levando em conta a nova estrutura.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia