Porto Alegre, quarta-feira, 17 de outubro de 2018.

Jornal do Comércio

COMENTAR | CORRIGIR

Hospitais no Estado

Notícia da edição impressa de 18/10/2018. Alterada em 08/10 às 00h00min

Estado inaugura mais um Centro de Reprodução Humana Assistida

Instituição uniu-se a grandes centros de referência e integra lista de cidades do Brasil com o serviço

Instituição uniu-se a grandes centros de referência e integra lista de cidades do Brasil com o serviço


HOSPITAL BRUNO BORN/DIVULGAÇÃO/JC
Localizado no Vale do Taquari, o Centro de Reprodução Humana Assistida do Hospital Bruno Born (HBB) foi inaugurado no dia 29 de maio deste ano. Disponibiliza todos os procedimentos na área da reprodução humana assistida, aliando inovação e responsabilidade em cada etapa do tratamento.
Com o empreendimento, Lajeado une-se a grandes centros de referência na área e entra para a lista das 29 cidades do Brasil a contarem com o serviço. O espaço agrega privacidade, comodidade e total conforto. Sua atuação não está restrita somente aos tratamentos da infertilidade, mas também a serviços como aconselhamento e planejamento reprodutivo (avaliação do status de fertilidade de cada indivíduo e subsequente orientação); preservação (congelamento) de óvulos, espermatozoides e embriões.
O Centro está localizado junto ao complexo da instituição, na rua Julio de Castilhos, região central da cidade. Com a inauguração, cinco (cerca de 1%) das 497 cidades gaúchas passam a contar com o serviço de reprodução humana assistida, sendo a maioria, até então, localizada na Região Metropolitana ou na serra gaúcha.
Foi este um dos principais fatores que levaram o Hospital Bruno Born a dar início ao projeto, a carência de oferta para as demais partes do Estado. Contando com capacidade técnica e clínica, o HBB buscou o aporte financeiro do Sicredi Lajeado para tirar a ideia do papel. O esforço conjunto levou à criação de um centro de reprodução moderno, com tecnologia avançada, baseado na experiência dos envolvidos e na observação (e busca de solução) dos problemas existentes em outros empreendimentos do gênero.
Em três anos de trabalho para concepção do projeto, a instituição conseguiu criar um ambiente confortável, com destaque para a privacidade e o relaxamento, com salas de espera individuais, apartamentos para descanso e participação de uma equipe multidisciplinar capacitada.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia