Porto Alegre, sexta-feira, 27 de agosto de 2021.
Dia do Psicólogo e do Corretor de Imóveis.
Porto Alegre,
sexta-feira, 27 de agosto de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Judiciário

- Publicada em 14h04min, 27/08/2021.

TJRS está entre os tribunais mais transparentes em ranking do CNJ

Resultado é o melhor resultado obtido pelo TJRS desde a primeira edição do ranking

Resultado é o melhor resultado obtido pelo TJRS desde a primeira edição do ranking


MARCELO G. RIBEIRO/ARQUIVO/JC
O Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul (TJRS) foi premiado na 2ª Reunião Preparatória para o 15º Encontro Nacional do Poder Judiciário. O evento, liderado pelo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Conselho Nacional de Justiça, Ministro Luiz Fux, premiou os tribunais pela performance no Ranking Transparência.
O Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul (TJRS) foi premiado na 2ª Reunião Preparatória para o 15º Encontro Nacional do Poder Judiciário. O evento, liderado pelo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Conselho Nacional de Justiça, Ministro Luiz Fux, premiou os tribunais pela performance no Ranking Transparência.
O TJRS alcançou posição de destaque no segmento em que atua, com pontuação de 94,2%, ficando em 1º lugar entre os Tribunais de Justiça de Grande Porte e em 8º no segmento Justiça Estadual, empatado com TJMT e TJPE. O percentual é o melhor resultado obtido pelo TJRS desde a primeira edição do Ranking Transparência em 2018.
O ranking é realizado anualmente e busca valorizar os tribunais e conselhos que mais se destacam no fornecimento de informação de forma clara e organizada. Os itens sob avaliação estão distribuídos em nove temas compostos por 83 perguntas, como por exemplo, se os órgãos publicam: os objetivos estratégicos, metas e indicadores; os levantamentos estatísticos sobre a atuação do órgão; o calendário das sessões colegiadas; a ata das sessões dos órgãos colegiados; o campo denominado ‘Serviço de Informações ao Cidadão’ na página inicial; informações sobre licitações e contratos, entre outros.
A Coordenadora de Imprensa do TJ-RS, Adriana Arend, destaca que esse é o resultado da política de comunicação instituída pelo Tribunal gaúcho. "Esse reconhecimento é fruto da excelência do trabalho desenvolvido pelos profissionais do TJ, que primam pela exatidão das informações prestadas.”
Comentários CORRIGIR TEXTO
Conteúdo Publicitário