Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 30 de agosto de 2019.
Dia da Conscientização sobre a Esclerose Múltipla.

Jornal do Comércio

30/08/2019 - 11h39min.
Alterada em 30/08 às 11h39min
COMENTAR | CORRIGIR

Pagamento via QR Code facilita negócios direto dos boxes na Expointer

Novidade trazida para a Expointer deste ano permite pagamento instantâneo pelo cartão de crédito

Novidade trazida para a Expointer deste ano permite pagamento instantâneo pelo cartão de crédito


MARCELO G. RIBEIRO/JC
Bruna Oliveira
As soluções que conectam o campo chegam a cada ano com mais força no mercado, principalmente quando o objetivo é fechar negócios. A plataforma Acerto Fácil permite aos visitantes da Expointer, no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio, terem todas as informações necessárias sobre os animais na palma da mão e, ainda, efetuarem as compras diretamente pelo celular.
Carolina Behr, uma das sócias da startup Acerto Fácil Pagamentos, conta que a tecnologia foi pensada para atender todo o ramo do agronegócio, desde leiloeiras, criadores de animais, produtores, lojas e restaurantes. "É uma maneira menos burocrática de efetivar os negócios, sem a necessidade das maquininhas de cartão, que têm o seu custo", diz Carolina.
{'nm_midia_inter_thumb1':'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/jpg/2019/08/27/206x137/1_mgr270819qr_code_vends__82_-8823723.jpg', 'id_midia_tipo':'2', 'id_tetag_galer':'', 'id_midia':'5d6553e348a1a', 'cd_midia':8823723, 'ds_midia_link': 'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/jpg/2019/08/27/mgr270819qr_code_vends__82_-8823723.jpg', 'ds_midia': 'EXPOINTER 2019  Fotos do aplicativo Acerto Fácil, que utiliza QR CODE para a realização de negócios (compras e leilões), com animais e serviços em utilização na feira', 'ds_midia_credi': 'MARCELO G. RIBEIRO/JC', 'ds_midia_titlo': 'EXPOINTER 2019  Fotos do aplicativo Acerto Fácil, que utiliza QR CODE para a realização de negócios (compras e leilões), com animais e serviços em utilização na feira', 'cd_tetag': '1', 'cd_midia_w': '800', 'cd_midia_h': '533', 'align': 'Left'}
Ferramenta ainda disponibiliza aos usuários informações sobre os animais na palma da mão. Marcelo G. Ribeiro/JC
A plataforma foi lançada no ano passado como meio para validar a emissão de boletos bancários, mas passou a desenvolver novos produtos. A novidade trazida para a Expointer deste ano é a opção de pagamento instantâneo via QR Code. O usuário aponta o celular para o código e efetua suas compras por ali mesmo. "O comprador acessa uma tela de check-in onde preenche dados básicos como nome, telefone, e-mail, CPF, e faz o pagamento pelo cartão de crédito, instantaneamente", explica o também sócio Kiko Salgueiro. "A ideia é que, com o celular, o visitante da feira consiga almoçar no restaurante, comprar uma pilcha, um cavalo, e sair todo aparelhado", completa Salgueiro.
Direto dos boxes onde ficam os animais, basta apontar a câmera do celular para o QR Code para saber informações como sexo, nascimento, registro de méritos, pelagem, peso, altura e genealogia. Havendo interesse pela compra, o cliente sinaliza, pelo próprio smartphone, o interesse no negócio e recebe contato do vendedor de animais.
A expertise para o desenvolvimento da plataforma veio pela experiência de 20 anos dos sócios trabalhando com leilão de cavalo e de gado. Por isso, outra solução implementada pela ferramenta é a assinatura digital de contratos. A comercialização de animais requer documentos muitas vezes firmados por assinatura exclusivamente manual e em processo bastante burocrático. Da batida do martelo do leiloeiro, o comprador recebe um link pelo WhatsApp e pelo próprio celular assina o contrato e faz o reconhecimento de firma em um cartório digital. Assim, os negócios que levavam cerca de 60 dias para serem efetuados passam a ser resolvidos em pouco mais de uma semana.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia