Porto Alegre, segunda-feira, 17 de janeiro de 2022.
Porto Alegre,
segunda-feira, 17 de janeiro de 2022.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Saúde

- Publicada em 17/01/2022 às 19h06min.

RS registra os dois primeiros óbitos pela variante Ômicron

Homem de 88 anos e mulher de 86 eram moradores de Sapiranga e Progresso

Homem de 88 anos e mulher de 86 eram moradores de Sapiranga e Progresso


JUSTIN TALLIS/AFP/JC
O Rio Grande do Sul registrou os primeiros óbitos causados pela variante Ômicron do novo coronavírus. Trata-se de residentes dos municípios de Sapiranga (homem de 88 anos) e Progresso (mulher de 86 anos). Ao todo, o Rio Grande do Sul já identificou 264 casos confirmados ou sugestivos para essa mutação, distribuídos em 46 municípios.
O Rio Grande do Sul registrou os primeiros óbitos causados pela variante Ômicron do novo coronavírus. Trata-se de residentes dos municípios de Sapiranga (homem de 88 anos) e Progresso (mulher de 86 anos). Ao todo, o Rio Grande do Sul já identificou 264 casos confirmados ou sugestivos para essa mutação, distribuídos em 46 municípios.
Os dois pacientes tiveram início de sintomas nos dias 31 de dezembro e 1º de janeiro, com os óbitos ocorrendo em 2 e 5 de janeiro, respectivamente. Ambos eram vacinados contra a Covid-19 e apresentavam comorbidades. O Laboratório Central do Estado (Lacen/RS) realizou os exames que identificaram a variante.
A Ômicron foi identificada originalmente na África do Sul e é apontada como a responsável pelo súbito aumento de casos em vários países, fenômeno também percebido no Rio Grande do Sul nas últimas semanas.
Entre os casos identificados da variante Ômicron, 21 foram confirmados por sequenciamento completo, método mais preciso pelo qual é feita a leitura de toda a cadeia genômica do vírus. Os demais 243 são considerados sugestivos, caracterizados pelas amostras que tiveram o diagnóstico pelo exame de RT-PCR que identifica parcialmente a variante ou aqueles casos que foram confirmados por serem de pessoas com sintomas e que sejam contato desses casos sugestivos.
Conteúdo Publicitário
Comentários CORRIGIR TEXTO