Porto Alegre, segunda-feira, 17 de maio de 2021.
Dia Internacional contra a Homofobia. Dia Mundial da Internet.
Porto Alegre,
segunda-feira, 17 de maio de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

SAÚDE

- Publicada em 19h40min, 17/05/2021.

RS inicia nesta terça distribuição de 17,5 mil medicamentos do kit intubação 

Sedativos e bloqueadores neuromusculares serão repassados às regiões pelo Exército

Sedativos e bloqueadores neuromusculares serão repassados às regiões pelo Exército


Exército/Divulgação/JC
A partir desta terça-feira (18), e até quinta-feira (20), começam a ser entregues aos hospitais públicos gaúchos 17.535 sedativos e bloqueadores neuromusculares para uso nos procedimentos de intubação de pacientes com dificuldades respiratórias. Os medicamentos do chamado kit intubação, em escassez por conta da pandemia, serão destinados a 43 instituições que atendem pelo Sistema Único de Saúde (SUS) em 39 municípios.
A partir desta terça-feira (18), e até quinta-feira (20), começam a ser entregues aos hospitais públicos gaúchos 17.535 sedativos e bloqueadores neuromusculares para uso nos procedimentos de intubação de pacientes com dificuldades respiratórias. Os medicamentos do chamado kit intubação, em escassez por conta da pandemia, serão destinados a 43 instituições que atendem pelo Sistema Único de Saúde (SUS) em 39 municípios.
Segundo a Secretaria Estadual da Saúde (SES), a escolha dos hospitais foi feita com base em um levantamento semanal dos estoques de 22 itens.
O lote atual é formado por 15 mil ampolas de Cisatracúrio, doadas pela empresa Vale ao Ministério da Saúde, e 300 ampolas de Haldol, 1.585 de Dexmetomedina e 650 de Etomidato, os três últimos adquiridos pela SES.
A responsabilidade pela compra desses medicamentos é das instituições hospitalares, no entanto, frente à dificuldade de aquisição no País e ao aumento da demanda desde o ano passado, por conta da Covid-19, o governo do Estado e o Ministério da Saúde se articularam para comprá-los em caráter excepcional, nos mercado nacional e internacional.
Desde o início da pandemia, já foram entregues aos hospitais gaúchos cerca de 600 mil unidades de medicamentos pelos governos federal e estadual. A distribuição dos fármacos está sendo organizada pela SES e pelo Exército Brasileiro, e os medicamentos serão distribuídos pelo 3º Grupamento Logístico, a partir do 3º Batalhão de Suprimento, em Nova Santa Rita.
As cargas serão repassadas a pontos focais, onde os hospitais de cada região deverão retirá-los. Haverá sete rotas distintas, que saiem por volta das 7h.
 Veja aqui a lista de remédios por hospital e onde serão entregues.
Comentários CORRIGIR TEXTO
Conteúdo Publicitário