Porto Alegre, sexta-feira, 16 de outubro de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
sexta-feira, 16 de outubro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Bolívia

- Publicada em 09h13min, 17/06/2020.

Após aumento de casos, La Paz terá três dias de confinamento total

A capital administrativa da Bolívia, La Paz, entrará em confinamento total por três dias a partir de sábado (20) para tentar conter a disseminação do novo coronavírus. O anúncio foi feito pelo Coed (Comitê Regional de Emergência) nessa terça-feira (16).
A capital administrativa da Bolívia, La Paz, entrará em confinamento total por três dias a partir de sábado (20) para tentar conter a disseminação do novo coronavírus. O anúncio foi feito pelo Coed (Comitê Regional de Emergência) nessa terça-feira (16).
"Não haverá circulação de pedestres nem de veículos durante o confinamento", explicou Iván Arias, ministro de Obras Públicas, Serviços e Habitações da Bolívia e porta-voz do Coed. Apenas profissionais da saúde, policiais e membros das Forças Armadas poderão transitar pelas ruas, completou o ministro. Com 2,9 milhões de habitantes, La Paz concentra 1.213 casos dos 19.073 infectados pelo novo coronavírus no país.
Desde o início da pandemia, a Bolívia registrou 632 mortes por conta do vírus. Mas especialistas dizem que esse número pode ser maior, porque o país tem realizado poucos testes para detecção da Covid-19 na população.
No início de junho, a Bolívia decidiu flexibilizar as medidas de isolamento social contra o vírus. Mas o número de casos subiu rapidamente, atingindo o recorde de 913 novas infecções diárias no último domingo (14). O governo teme que o país possa ter cerca de 100 mil infectados e entre 4.000 e 7.000 mortos no final do mês de julho se a pandemia não for controlada.
Folhapress
Comentários CORRIGIR TEXTO