Porto Alegre, segunda-feira, 30 de março de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre, segunda-feira, 30 de março de 2020.
Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

CORRIGIR

Vacina da Gripe

30/03/2020 - 12h24min. Alterada em 30/03 às 12h42min

Ministério da Saúde suspende vacinação de rotina em crianças

O objetivo é prevenir a transmissão de doenças respiratórias, como a Covid-19, para idosos

O objetivo é prevenir a transmissão de doenças respiratórias, como a Covid-19, para idosos


ANGÉLICA POTT/DIVULGAÇÃO/CIDADES
"Atenção, pais e responsáveis. Até 15 de abril, idosos e trabalhadores da saúde devem ser vacinados. Nesse período, está suspensa a vacinação de rotina de crianças. É uma forma de prevenir a transmissão de doenças respiratórias para os idosos". 
"Atenção, pais e responsáveis. Até 15 de abril, idosos e trabalhadores da saúde devem ser vacinados. Nesse período, está suspensa a vacinação de rotina de crianças. É uma forma de prevenir a transmissão de doenças respiratórias para os idosos". 
{'nm_midia_inter_thumb1':'', 'id_midia_tipo':'2', 'id_tetag_galer':'', 'id_midia':'5c6f03d777ac4', 'cd_midia':8634598, 'ds_midia_link': 'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/gif/2019/02/21/banner_whatsapp_280x50px_branco-8634598.gif', 'ds_midia': 'WhatsApp Conteúdo Link', 'ds_midia_credi': 'Thiago Machado / Arte JC', 'ds_midia_titlo': 'WhatsApp Conteúdo Link', 'cd_tetag': '1', 'cd_midia_w': '280', 'cd_midia_h': '50', 'align': 'Center'}
Esse foi o pronunciamento do Ministério da Saúde via Twitter oficial da pasta. A recomendação é que os pais não levem seus filhos a pontos de vacinação para não haver contato entre crianças e idosas. As crianças são importantes transmissores de vírus respiratórios, entre eles o Covid-19, e podem ajudar no contágio das pessoas classificadas no grupo de risco - o que inclui pessoas acima dos 60 anos.
Segundo o Ministério, a vacina da gripe "não tem eficácia contra o coronavírus, porém, neste momento, irá auxiliar os profissionais de saúde na exclusão do diagnóstico para covid-19, já que os sintomas são parecidos".
"Assim, a recomendação é que pais e responsáveis por crianças aguardem o término desta fase e, a partir do dia 16 de abril, voltem às unidades de saúde para realizar a vacinação de rotina. Esta medida, se estende também para população adulta, contemplada no calendário nacional de vacinação", instruiu a Saúde.
As pessoas, portanto, devem aguardar que o período de vacinação da gripe para idosos seja finalizada para que possam retornar aos postos de saúde e receberem a aplicação dos medicamentos. 
O prazo de vacinação do público idoso vai até o dia 15 de abril. A partir do dia 16, e até o 8 de maio, acontecerá a segunda fase da campanha de vacinação, que irá se voltar a doentes crônicos, professores da rede pública e privada e profissionais das forças de segurança e salvamento.
Nesse período, as vacinações de rotina podem ser retomadas por adultos e crianças. 
As crianças pertencem à última fase da aplicação nacional da vacina da gripe. A partir de 9 de maio, a campanha priorizará crianças de 6 meses a menores de 6 anos, pessoas com 55 a 59 anos, gestantes, puérperas (mães até 45 dias após o parto), pessoas com deficiência, povos indígenas, funcionários do sistema prisional, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas e população privada de liberdade.
É também este 9 de maio que será o dia “D” de mobilização nacional para a vacinação. A meta é vacinar, pelo menos, 90% de cada um desses grupos, até o dia 22 de maio.