Porto Alegre, sábado, 17 de outubro de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
sábado, 17 de outubro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

previdência

- Publicada em 03h00min, 26/03/2020.

Projetos preveem alterações em IPE Saúde e IPE Prev

Um conjunto de medidas que alteram as estruturas funcionais do IPE Saúde e do IPE Prev foram encaminhadas à Assembleia Legislativa pelo governador Eduardo Leite. Entre as mudanças estão a possibilidade de contratação emergencial de profissionais para atuar como peritos, analistas em gestão de saúde e auditores médicos. A ideia é ampliar a assistência aos servidores públicos diante do avanço do novo coronavírus. 
Um conjunto de medidas que alteram as estruturas funcionais do IPE Saúde e do IPE Prev foram encaminhadas à Assembleia Legislativa pelo governador Eduardo Leite. Entre as mudanças estão a possibilidade de contratação emergencial de profissionais para atuar como peritos, analistas em gestão de saúde e auditores médicos. A ideia é ampliar a assistência aos servidores públicos diante do avanço do novo coronavírus. 
Separadas em seis projetos de lei, as alterações, de acordo com o Palácio Piratini, buscam implementar estrutura administrativa nas duas autarquias surgidas em abril de 2018, a partir da cisão do antigo Ipergs (Instituto de Previdência do Estado do RS) e fortalecer os serviços oferecidos aos segurados. Entre as propostas está a distribuição equitativa dos cargos entre os dois institutos: os atuais 314 cargos vinculados oficialmente ao IPE Prev serão divididos de maneira igualitária.
O conjunto de mudanças abarca também a autorização para contratação emergencial para funções estratégicas. O IPE Prev tem a necessidade de selecionar, por esta modalidade, 27 profissionais para cargos de analista e assistentes em Previdência, peritos e auditores. Já o IPE Saúde quer selecionar o mesmo número de servidores para atuar como analistas em gestão de saúde, peritos e auditores médicos.
 
Comentários CORRIGIR TEXTO