Porto Alegre, terça-feira, 11 de janeiro de 2022.
Porto Alegre,
terça-feira, 11 de janeiro de 2022.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Combustíveis

- Publicada em 11/01/2022 às 13h33min.

Petrobras anuncia ajustes nos preços de gasolina e diesel após 77 dias sem aumentos

Preço do petróleo e maior consumo de combustíveis ajudaram estatal

Preço do petróleo e maior consumo de combustíveis ajudaram estatal


MARIANA ALVES/arquivo/JC
A Petrobras informou por nota nesta terça-feira (11) que, após 77 dias sem aumentos, fará ajustes nos seus preços de venda de gasolina e diesel para as distribuidoras. Os aumentos serão de 4,8% para gasolina e de 8% para o diesel, e os novos valores passam a valer a partir desta quarta-feira (12). Os últimos aumentos da estatal haviam ocorrido em 26 de outubro de 2021 e, desde então os preços praticados pela Petrobras para a gasolina foram reduzidos em R$ 0,10 litro em 15 de dezembro de 2021 e permaneceram estáveis para o diesel.
A Petrobras informou por nota nesta terça-feira (11) que, após 77 dias sem aumentos, fará ajustes nos seus preços de venda de gasolina e diesel para as distribuidoras. Os aumentos serão de 4,8% para gasolina e de 8% para o diesel, e os novos valores passam a valer a partir desta quarta-feira (12). Os últimos aumentos da estatal haviam ocorrido em 26 de outubro de 2021 e, desde então os preços praticados pela Petrobras para a gasolina foram reduzidos em R$ 0,10 litro em 15 de dezembro de 2021 e permaneceram estáveis para o diesel.
A partir desta quarta, o preço médio de venda da gasolina da Petrobras para as distribuidoras passará de R$ 3,09 para R$ 3,24 por litro. Considerando a mistura obrigatória de 27% de etanol anidro e 73% de gasolina A para a composição da gasolina comercializada nos postos, a parcela da Petrobras no preço ao consumidor passará de R$ 2,26, em média, para R$ 2,37 a cada litro vendido na bomba. Uma variação de R$ 0,11 por litro.
Para o diesel, o preço médio de venda da Petrobras para as distribuidoras passará de R$ 3,34 para R$ 3,61 por litro. Considerando a mistura obrigatória de 10% de biodiesel e 90% de diesel A para a composição do diesel comercializado nos postos, a parcela da Petrobras no preço ao consumidor passará de R$ 3,01, em média, para R$ 3,25 a cada litro vendido na bomba. Uma variação de R$ 0,24 por litro.
Conteúdo Publicitário
Comentários CORRIGIR TEXTO