Porto Alegre, terça-feira, 20 de julho de 2021.
Dia do Amigo.
Porto Alegre,
terça-feira, 20 de julho de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

mercado financeiro

- Publicada em 08h26min, 20/07/2021.

Bolsas da Ásia fecham na maioria em queda após perdas em NY e temor por delta

Na China continental, o índice Xangai Composto caiu 0,1%, a 3.536,79 pontos

Na China continental, o índice Xangai Composto caiu 0,1%, a 3.536,79 pontos


/DIVULGAÇÃO/JC
As bolsas da Ásia voltaram a fechar majoritariamente em queda nesta terça-feira, na esteira das perdas registrados no mercado acionário de Nova York. Ontem, o índice Dow Jones teve o pior dia desde outubro de 2020 devido à aversão a risco gerada pelo temor de que a variante delta do coronavírus, altamente contagiosa, prejudique a recuperação da economia global.
As bolsas da Ásia voltaram a fechar majoritariamente em queda nesta terça-feira, na esteira das perdas registrados no mercado acionário de Nova York. Ontem, o índice Dow Jones teve o pior dia desde outubro de 2020 devido à aversão a risco gerada pelo temor de que a variante delta do coronavírus, altamente contagiosa, prejudique a recuperação da economia global.
Na China continental, o índice Xangai Composto caiu 0,1%, a 3.536,79 pontos, mas o menos abrangente Shenzhen Composto subiu 0,2%, a 2.456,75 pontos. Em Pequim, o Banco do Povo da China (PBoC, o BC chinês) manteve na noite de ontem as taxas de juros de referência para empréstimos de curto e longo prazos, conhecidas como LPRs.
A maioria dos analistas esperava a manutenção das taxas de juros, mas alguns como os do Barclays não descartavam um corte. Em meio à desaceleração do crescimento chinês, o PBoC anunciou há duas semanas uma redução do compulsório bancário. Agora, os economistas esperam mais medidas de estímulo.
Em outras partes da Ásia, o Hang Seng recuou 0,8% em Hong Kong, a 27.259,25 pontos, e o Kospi teve baixa de 0,3% em Seul, a 3.232,70 pontos. "Os mercados na Ásia viram outra sessão negativa, à medida que os investidores avaliam a possibilidade de vermos mais fraqueza na retomada global", diz o analista-chefe de mercado da CMC Markets, Michael Hewson.
O Nikkei, por sua vez, caiu 1,0% no Japão, a 27.388,16 pontos. As perdas foram lideradas por ações dos setores de energia e imobiliário. Por lá, há expectativa pela Olimpíada de Tóquio, que começa nesta semana. No entanto, os organizadores do evento já confirmaram que pelo menos três atletas testaram positivo para a Covid-19.
Agência Estado
Comentários CORRIGIR TEXTO
Conteúdo Publicitário