Porto Alegre, sexta-feira, 11 de junho de 2021.
Dia da Marinha Brasileira.
Porto Alegre,
sexta-feira, 11 de junho de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Serviços

- Publicada em 23h18min, 10/06/2021. Atualizada em 08h08min, 11/06/2021.

Dia dos Namorados aquece expectativas de restaurantes, hotéis e lojas

Maria Fernanda prevê equilíbrio entre delivery e atendimento presencial

Maria Fernanda prevê equilíbrio entre delivery e atendimento presencial


LUIZA PRADO/JC
Carlos Villela
A lenta retomada da economia nacional faz com que datas especiais sejam vistas com otimismo pelos setores econômicos. Exemplo disso é o Dia dos Namorados, um dia esperado por bares e restaurantes para impulsionar as vendas.
A lenta retomada da economia nacional faz com que datas especiais sejam vistas com otimismo pelos setores econômicos. Exemplo disso é o Dia dos Namorados, um dia esperado por bares e restaurantes para impulsionar as vendas.
De acordo com a presidente da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel-RS), Maria Fernanda Tartoni, a expectativa permanece bastante alta, porque mesmo dentro da pandemia existe a tendência de vendas maior.es "Há uma disponibilidade maior do cliente, ou para sair de casa ou para pedir algo em casa mais programado, gastar um pouco a mais e fazer um dia mais especial", disse.
Segundo ela, os restaurantes estão promovendo adequações para garantir ao público uma experiência agradável e segura sob o ponto de vista dos cuidados contra a Covid-19. "A ideia é que fiquem com seus layouts bem delimitados de acordo com os protocolos, e para aqueles que podem sair para apreciar um vinho, espumante e aumentar o tíquete estamos trabalhando e incentivando a todos para ter mesas menores e afastadas, para que não aconteçam aglomerações", diz Maria Fernanda.
E, mesmo com o fluxo de pessoas nas ruas maior do que no mesmo período de 2020, o público que fica em casa também tem a possibilidade de pedir tele-entrega em casa, uma atividade que ajudou diversos estabelecimentos a ter sobrevida. Para Maria Fernanda, serviços de delivery não salvam um negócio, mas agregam faturamento. "Hoje temos um trunfo ao nosso lado que é a vacina, que dá mais coragem para as pessoas saírem, mas a gente acredita que o serviço vai ser forte, por isso estamos todos nos preparando para uma tele-entrega bastante intensa."
Além de ser a titular da Abrasel-RS, Maria Fernandatambém é proprietária de restaurante homônimo no shopping Bourbon Country. Em sua experiência pessoal no estabelecimento, conta que que sua clientela sempre foi de idade superior, então já era um público que previamente não estava saindo de casa. "Uma boa parte já se vacinou, mas mesmo os vacinados estão com bastante precaução e estão respeitando bastante", diz. 
Um dos fundadores do Peppo Cucina, Pedro Hoffmann espera uma procura igual ou maior do que no ano passado. "Em todos os anos o Dia dos Namorados é uma data muito comemorada, então existe uma demanda, não só para o Peppo, como pra todos os restaurantes no almoço e no jantar", afirma. Dentre as medidas tomadas está a abertura de espaços para acomodar mais mesas de duas pessoas, possibilitando maiior distanciamento e também um clima mais íntimo.
Em função da demanda elevada do serviço presencial projetada pelo restaurante, o Peppo Cucina vai suspender nesta sexta-feita (11) e sábado (12) os canais de pegue-e-leve e delivery. Para o público que quiser passar a noite em casa, o restaurante oferece um menu que pode ser finalizado em casa, que inclui uma lasanha especial, acompanhada de um vinho também próprio da casa, Peppo 15 Anni Teroldego, produzido pela Vinhos Bertolini.

Pesquisa aponta otimismo de lojistas para a data comemorativa

Lojistas estão otimistas com as vendas em Porto Alegre e esperam um aumento do tíquete médio nas compras do 12 de junho deste ano
Para 45% dos empresários, vendas devem ficar até 20% maiores
MARIANA ALVES/JC
Uma pesquisa promovida pela Câmara de Dirigentes Lojistas de Porto Alegre (CDL POA) com empresários de 17 setores diferentes aponta que, em sua maioria, os setores de comércio e serviços estão empolgados com o impulso trazido pelo Dia dos Namorados. O levantamento mostra que 43% dos empresários entrevistados se dizem otimistas em relação às vendas da data, enquanto 4% se consideram muito otimistas e 25% razoavelmente otimista. No outro lado, 26% estão pouco otimistas, e 2% nem um pouco.
Segundo o levantamento, 45% dos entrevistados acreditam que as vendas devem ser até 20% maiores do que em 2020, e 16% percebem que podem ser ainda mais elevadas a esse período. Por outro lado, 64% dos entrevistados acreditam que a data vai impulsionar o consumo neste período de retomada econômica, enquanto 18% acreditam que não haverá impulso, e outros 18% não sabem.
Mais de metade dos entrevistados - 53% - estão com ofertas especiais para os clientes, enquanto 29% oferecem kits ou combos de presentes. Entre quem vende por meio digital, o WhatsApp é o canal preferido com 78%, seguido por redes sociais com 75% e site próprio com 37%. Os marketplaces representam 12%, mesmo número de quem não pretende vender por canais digitais.
Em relação ao valor gasto pelos consumidores, 37% dos empresários esperam um tíquete médio de vendas acima de R$ 150, enquanto 24% aguardam gastos de R$ 100 a R$ 150, outros 24% acreditam que o valor deve ficar em torno de R$ 50 a R$ 100, e 15% esperam que o valor fique de R$ 10 a R$ 50. Além do aumento esperado em vendas, as lojas também se preparam para receber os clientes sem gerar aglomerações ou contatos físicos. A pesquisa mostra que 57% estão oferecendo formas de pagamento sem contato, e 51% promovem serviços de tele-entrega e pegue-e-leve.

Hotelaria estará de portas abertas neste 12 de junho

Um dos setores econômicos mais afetados pelas restrições decorrentes da pandemia, a hotelaria também vê o Dia dos Namorados como uma oportunidade de aumentar os negócios. De acordo com o Sindicato de Hospedagem e Alimentação de POA e Região (Sindha), os hotéis e motéis de Porto Alegre estão com expectativas positivas para a data, e também realizou pesquisa para mensurar o que esperam os proprietários de 19 empreendimentos da cidade.

A entidade aponta que 31,6% dos estabelecimentos contatados na Capital têm expectativa de ocupação de 50% a 70% da operação total. O mesmo percentual aposta também em um crescimento superior a 20% nas receitas.

Já 63,2% dos entrevistados afirmaram ter preparado diferenciais para quem buscar seus serviços na data. Dentre eles, estão pacotes com promoções e inclusão de jantar especial, decorações temáticas, brindes, espumantes e late check out. Além disso, parte dos estabelecimentos vao preparar jantares abertos ao público, e não necessariamente apenas para hóspedes.

A data pode ser um impulso para um setor da economia municipal que vê o segundo semestre com um otimismo cauteloso. 52,6% dos entrevistados esperam que a segunda metade do ano seja um período de estabilidade, e 36,8% acreditam que o setor deve crescer. Apenas 10,5% projetam uma retração.

Comentários CORRIGIR TEXTO
Conteúdo Publicitário