Porto Alegre, segunda-feira, 23 de novembro de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
segunda-feira, 23 de novembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

conjuntura

- Publicada em 09h31min, 23/11/2020.

Confiança da indústria sobe 1,6 ponto em novembro, mostra prévia da FGV

Resultado final da pesquisa será divulgado no próximo dia 27

Resultado final da pesquisa será divulgado no próximo dia 27


JIM YOUNG/AFP/JC
O Índice de Confiança da Indústria (ICI) apurado na prévia da sondagem de novembro teve um avanço de 1,6 ponto em relação ao resultado fechado de outubro, para 112,8 pontos, informou a Fundação Getulio Vargas (FGV). Caso se confirme, o índice alcançará o maior patamar desde outubro de 2010, quando estava em 113,6 pontos.
O Índice de Confiança da Indústria (ICI) apurado na prévia da sondagem de novembro teve um avanço de 1,6 ponto em relação ao resultado fechado de outubro, para 112,8 pontos, informou a Fundação Getulio Vargas (FGV). Caso se confirme, o índice alcançará o maior patamar desde outubro de 2010, quando estava em 113,6 pontos.
O Índice de Situação Atual aumentou 4,4 pontos, para 118,1 pontos, o maior valor desde dezembro de 2007. Já o Índice de Expectativas recuou 1,2 ponto, para 107,4 pontos. O Nível de Utilização da Capacidade Instalada (Nuci) da indústria indicou uma redução de 0,2 ponto porcentual em relação ao patamar de outubro, passando de 79,8% para 79,6% em novembro.
A prévia dos resultados da Sondagem da Indústria abrange a consulta a 794 empresas entre os dias 1º e 19 de novembro. O resultado final da pesquisa será divulgado no próximo dia 27.
Agência Estado
Comentários CORRIGIR TEXTO