Porto Alegre, quinta-feira, 24 de setembro de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quinta-feira, 24 de setembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Pandemia

- Publicada em 03h00min, 10/08/2020. Atualizada em 07h53min, 10/08/2020.

Academias esperam por definições

O prefeito de Porto Alegre, Nelson Marchezan Júnior também anunciou, na sexta-feira (7), a liberação do retorno às atividades para academias de ginástica, que estão fechadas há mais de um mês. O prefeito se reuniu com o segmento em videoconferência e prometeu decreto a ser publicado na mesma noite ou até sábado, indicando como deverá ser o funcionamento dos estabelecimentos em todos os setores. No entanto, o decreto ainda não saiu.
O prefeito de Porto Alegre, Nelson Marchezan Júnior também anunciou, na sexta-feira (7), a liberação do retorno às atividades para academias de ginástica, que estão fechadas há mais de um mês. O prefeito se reuniu com o segmento em videoconferência e prometeu decreto a ser publicado na mesma noite ou até sábado, indicando como deverá ser o funcionamento dos estabelecimentos em todos os setores. No entanto, o decreto ainda não saiu.
No caso das academias, a expectativa é sobre o número de alunos que será permitido. Antes do último fechamento, o setor passou por duas fases - um aluno por vez e um a cada 16 metros quadrados, que permitia mais frequentadores no mesmo horário.  Donos de academias e representantes do setor destacaram que o setor também atua com saúde das pessoas, por isso não deveriam ter sofrido restrições. Pediram ainda que não fosse adotado um número que permita maior frequência e não apenas um por vez, o que inviabilizaria a abertura de muitas delas. No Estado, 20% dos estabelecimentos já teriam fechado, segundo entidades do segmento. 
Comentários CORRIGIR TEXTO