Porto Alegre, segunda-feira, 29 de junho de 2020.
Dia da Telefonista.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
segunda-feira, 29 de junho de 2020.
Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

CORRIGIR

indústria criativa

Alterada em 29/06 às 14h15min

Estudo deve identificar impacto da pandemia no consumo digital e na indústria criativa no RS

Pesquisa é liderada pela Feevale e deve orientar proposição de políticas públicas e soluções

Pesquisa é liderada pela Feevale e deve orientar proposição de políticas públicas e soluções


ANA KNEVITZ/DIVULGAÇÃO/JC
O Mestrado Profissional em Indústria Criativa da Universidade Feevale lançou nesta segunda-feira (29) uma pesquisa que deve mapear o cenário da crise causado pela Covid-19 no Rio Grande do Sul. Segundo a instituição, o estudo identificará o perfil de atuação de profissionais, os processos criativos e impacto do coronavírus no consumo em plataformas digitais.
O Mestrado Profissional em Indústria Criativa da Universidade Feevale lançou nesta segunda-feira (29) uma pesquisa que deve mapear o cenário da crise causado pela Covid-19 no Rio Grande do Sul. Segundo a instituição, o estudo identificará o perfil de atuação de profissionais, os processos criativos e impacto do coronavírus no consumo em plataformas digitais.
Os pesquisadores coletarão informações sobre dois eixos principais: trabalho em setores criativos e o consumo digital dos gaúchos durante a pandemia. Coordenada pelos professores Cristiano Max Pereira Pinheiro, Vanessa Valiati e Maurício Barth, a iniciativa busca orientar a proposição de políticas públicas e soluções para os setores afetados pelo vírus.
O mapeamento considera as especificidades de cada área criativa, propondo um levantamento regional com formulários técnicos e individuais para cada setor. Isso possibilita compreender como auxiliar os modelos de negócio atingidos na pandemia.
Para analisar o consumo de conteúdos digitais pela população gaúcha neste período, será distribuído um questionário segmentado entre as áreas de audiovisual, música, e jogos digitais. Os dados coletados podem ajudar na mensuração da demanda por produtos específicos, segundo a Feevale. Esta parte da pesquisa conta com o auxílio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul (Fapergs/RS), por meio de edital de fomento de auxílio a recém-doutores, além do apoio do governo estadual, através do programa RS Criativo e da Secretaria da Cultura do Estado.
Os questionários da pesquisa já estão disponíveis no site da Feevale. As perguntas estão dividas pelo consumo e por setores específicos de atuação.
Comentários