Porto Alegre, segunda-feira, 11 de maio de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
segunda-feira, 11 de maio de 2020.
Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

CORRIGIR

Serviços

11/05/2020 - 14h27min. Alterada em 11/05 às 14h27min

Nova categoria de viagem da Uber possibilita envio de itens pessoais pelo app

Uber Flash já está disponível em Porto Alegre e outras quatro cidades brasileiras

Uber Flash já está disponível em Porto Alegre e outras quatro cidades brasileiras


MARCO QUINTANA/JC
A partir desta segunda-feira (11), é possível enviar itens e artigos pessoais pela Uber. A categoria Uber Flash está disponível em Porto Alegre e outras quatro cidades brasileiras pelo mesmo preço do UberX.
A partir desta segunda-feira (11), é possível enviar itens e artigos pessoais pela Uber. A categoria Uber Flash está disponível em Porto Alegre e outras quatro cidades brasileiras pelo mesmo preço do UberX.
O objetivo da empresa é colaborar com o distanciamento social durante a pandemia do novo coronavírus, além de possibilitar uma opção complementar de ganhos para os motoristas.
Pelo aplicativo de viagens, os usuários podem solicitar a motoristas o transporte de pacotes, presentes, documentos e artigos pessoais, de porte médio ou pequeno. Os objetos serão transportados no porta-malas do veículo. A Uber indica a comunicação com o motorista pelo chat para mais orientações sobre o envio.
A empresa ainda frisa que não é permitido o envio de itens de valor ou cujo transporte seja proibido por lei ou pelas regras da categoria. Além de Porto Alegre, a modalidade já está disponível em São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Salvador.
Comentários