Porto Alegre, quarta-feira, 18 de março de 2020.

Jornal do Comércio

Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

CORRIGIR

Mercado Financeiro

Alterada em 18/03 às 13h24min

Bolsa cai mais de 10% e aciona o circuit breaker

É a sexta interrupção dos negócios em oito pregões, em meio à pandemia de coronavírus

É a sexta interrupção dos negócios em oito pregões, em meio à pandemia de coronavírus


NELSON ALMEIDA/AFP/JC
A B3 interrompeu a operação no início da tarde desta quarta-feira (18) após cair 10,26%, aos 66.961 pontos, acionando o circuit breaker. É a sexta interrupção dos negócios em oito pregões, em meio à pandemia de coronavírus.
A B3 interrompeu a operação no início da tarde desta quarta-feira (18) após cair 10,26%, aos 66.961 pontos, acionando o circuit breaker. É a sexta interrupção dos negócios em oito pregões, em meio à pandemia de coronavírus.
O barril do petróleo do tipo Brent recua abaixo dos US$ 30 por barril e é cotado a US$ 27, o menor patamar desde 2003. O valor do barril está abaixo das mínimas registradas em 2016, também ao redor dos US$ 30.
O dólar chegou a ser cotado a R$ 5,20 na manhã desta quarta-feira, mesmo após o anúncio de venda de dólares do BC, mas desacelerou para a faixa de R$ 5,15.