Porto Alegre, quinta-feira, 23 de julho de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quinta-feira, 23 de julho de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Telefonia

- Publicada em 03h13min, 12/12/2019. Atualizada em 03h00min, 12/12/2019.

Cade aprova compra da Nextel pela dona da Claro

O tribunal do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou, sem restrições, a compra de 100% do capital social da Nextel pela América Móvil, controladora da Claro. O anúncio da compra foi feito em março, pelo valor de US$ 905 bilhões (R$ 3,47 bilhões). O negócio já havia sido aprovado pelo Cade em setembro, mas, após recurso apresentado pela TIM no mês seguinte, foi reavaliado pelos conselheiros do tribunal. Com a negociação, a Claro se consolidará como a segunda maior operadora de telefonia móvel do Brasil, com 59,7 milhões de clientes, número que corresponde a 26,05% de participação no mercado. A Nextel conta com 3,3 milhões de clientes pós-pagos no Rio e em São Paulo, e já estava à venda há, pelo menos, dois anos.
O tribunal do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou, sem restrições, a compra de 100% do capital social da Nextel pela América Móvil, controladora da Claro. O anúncio da compra foi feito em março, pelo valor de US$ 905 bilhões (R$ 3,47 bilhões). O negócio já havia sido aprovado pelo Cade em setembro, mas, após recurso apresentado pela TIM no mês seguinte, foi reavaliado pelos conselheiros do tribunal. Com a negociação, a Claro se consolidará como a segunda maior operadora de telefonia móvel do Brasil, com 59,7 milhões de clientes, número que corresponde a 26,05% de participação no mercado. A Nextel conta com 3,3 milhões de clientes pós-pagos no Rio e em São Paulo, e já estava à venda há, pelo menos, dois anos.
 
Comentários CORRIGIR TEXTO