Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 29 de novembro de 2019.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Agronegócios

Edição impressa de 29/11/2019. Alterada em 29/11 às 03h00min

Colheita do trigo já está concluída nas lavouras do Rio Grande do Sul

Produtividade média nas áreas tritícolas é de 2.955 quilos por hectare

Produtividade média nas áreas tritícolas é de 2.955 quilos por hectare


KÁTIA MARCON/DIVULGAÇÃO/JC
A colheita do trigo no Rio Grande do Sul está praticamente concluída, restando algumas áreas na região serrana, de acordo com a Emater. A área implantada com o cereal nesta safra é de 757.320 hectares. A produtividade média de 2.955 quilos de trigo por hectare sinaliza uma produção de 2,2 milhões de toneladas, consolidando-se entre as cinco maiores safras da história da produção gaúcha em volume produzido.
A colheita do trigo no Rio Grande do Sul está praticamente concluída, restando algumas áreas na região serrana, de acordo com a Emater. A área implantada com o cereal nesta safra é de 757.320 hectares. A produtividade média de 2.955 quilos de trigo por hectare sinaliza uma produção de 2,2 milhões de toneladas, consolidando-se entre as cinco maiores safras da história da produção gaúcha em volume produzido.
A colheita da cevada também está em fase final, restando 2% por colher nas regiões de Bagé, Pelotas e Santa Maria. Atualmente, 100% das lavouras estão em maturação, e os produtores gaúchos aguardam o ponto ideal de colheita dos grãos. A produtividade média alcançada nas últimas áreas colhidas foi de 2,2 mil quilos de cevada por hectare.
Em relação às culturas de verão, o plantio da soja foi intensificado e atinge 72% da intenção de plantio de 5.978.967 hectares para a safra gaúcha. Das áreas das lavouras, 100% se encontram em germinação e desenvolvimento.
A semeadura do milho chega a 86% da área estimada para esta safra, que é de 771.578 ha. O tempo firme possibilitou condições de umidade adequadas para o manejo de preparo do solo, plantio e também para a germinação das sementes. Das lavouras, 58% estão em desenvolvimento vegetativo, 22% em floração e 20% em enchimento dos grãos.
O plantio do arroz alcançou no período 84% da área de 944.549 hectares prevista para o Estado. O tempo favorável permitiu aos produtores avanços no plantio em todas as regiões. As lavouras estão 100% na fase de desenvolvimento vegetativo.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia