Porto Alegre, sexta-feira, 24 de julho de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
sexta-feira, 24 de julho de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

agronegócios

- Publicada em 03h15min, 19/11/2019. Atualizada em 03h00min, 19/11/2019.

Marfrig amplia participação em frigorífico dos Estados Unidos

A Marfrig ampliou sua participação no mercado de carnes americano ao aumentar sua fatia na National Beef, quarto maior frigorífico dos Estados Unidos, de 51% para 81,73%. O negócio foi anunciado via fato relevante no domingo. As ações foram compradas por US$ 860 milhões (R$ 3,6 bilhões) do banco americano Jefferies, que saiu do negócio. No Brasil, as ações da Marfrig dispararam com o negócio. A National Beef já é controlada pela Marfrig desde abril de 2018, quando a companhia brasileira comprou 51% das ações em um negócio de R$ 3,3 bilhões à época. A Marfrig é a segunda maior produtora de carne bovina do mundo, atrás da JBS.
A Marfrig ampliou sua participação no mercado de carnes americano ao aumentar sua fatia na National Beef, quarto maior frigorífico dos Estados Unidos, de 51% para 81,73%. O negócio foi anunciado via fato relevante no domingo. As ações foram compradas por US$ 860 milhões (R$ 3,6 bilhões) do banco americano Jefferies, que saiu do negócio. No Brasil, as ações da Marfrig dispararam com o negócio. A National Beef já é controlada pela Marfrig desde abril de 2018, quando a companhia brasileira comprou 51% das ações em um negócio de R$ 3,3 bilhões à época. A Marfrig é a segunda maior produtora de carne bovina do mundo, atrás da JBS.
 
Comentários CORRIGIR TEXTO