Porto Alegre, domingo, 26 de julho de 2020.
Dia dos Avós.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
domingo, 26 de julho de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Aviação

- Publicada em 13h19min, 05/09/2019. Atualizada em 13h19min, 05/09/2019.

Anac autoriza low cost JetSmart a operar voos entre Brasil e Chile

Companhia demonstrou interesse em operar no mercado doméstico brasileiro

Companhia demonstrou interesse em operar no mercado doméstico brasileiro


/DIVULGAÇÃO/JC
A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) anunciou nesta quinta-feira (5), que autorizou a subsidiária chilena da JetSmart, empresa aérea ultra low cost, a operar voos entre o Brasil e o Chile. Na semana passada, a agência reguladora já havia aprovado operações de outra subsidiária da empresa a voar para o País a partir da Argentina.
A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) anunciou nesta quinta-feira (5), que autorizou a subsidiária chilena da JetSmart, empresa aérea ultra low cost, a operar voos entre o Brasil e o Chile. Na semana passada, a agência reguladora já havia aprovado operações de outra subsidiária da empresa a voar para o País a partir da Argentina.
Em reunião na quarta-feira (4), a JetSmart também demonstrou interesse em operar no mercado doméstico brasileiro, afirmou o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, em suas redes sociais. Porém, a agência reguladora diz ainda não ter recebido esse pedido da aérea.
Além da JetSmart, outras quatro empresas de baixo custo vieram ao País desde a desregulação da franquia de bagagem despachada. Destas, três já ofertam passagens: a chilena Sky Airlines (de Santiago para Rio de Janeiro e Guarulhos, desde novembro de 2018); a europeia Norwegian (Londres-Galeão, desde maio deste ano); e a argentina Flybondi (voos da Argentina para Galeão e Florianópolis, com início a partir de outubro).
Comentários CORRIGIR TEXTO