Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 12 de agosto de 2019.
Dia Nacional da Juventude .

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

balanços

Alterada em 12/08 às 21h48min

Lucro líquido do Magazine Luiza salta 174,7%, para R$ 386,6 milhões

Estadão Conteúdo
O aumento acentuado da vendas do Magazine Luiza contribuiu para a alta de 174,7% do lucro líquido da empresa no segundo trimestre de 2019, atingindo R$ 386,6 milhões. O número inclui os resultados da Netshoes desde a data da conclusão da aquisição, finalizada em 14 de junho.
O aumento acentuado da vendas do Magazine Luiza contribuiu para a alta de 174,7% do lucro líquido da empresa no segundo trimestre de 2019, atingindo R$ 386,6 milhões. O número inclui os resultados da Netshoes desde a data da conclusão da aquisição, finalizada em 14 de junho.
Para melhor comparabilidade com o segundo trimestre do ano passado, o Magazine Luiza fez um cálculo pró-forma que desconsidera não só a aquisição da Netshoes, mas também os efeitos da norma contábil IFRS 16, os créditos tributários e outras provisões e despesas não recorrentes. Sem esses fatores, o lucro líquido teria sido de R$ 108,5 milhões, com queda de 23,9%.
O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) do período subiu 21,6%, para R$ 379,9 milhões. Na coluna pró-forma, houve queda de 3,6%, para R$ 304,0 milhões. De acordo com a companhia, os investimentos adicionais em melhoria no nível de serviço e aquisição de novos clientes influenciaram a margem Ebitda pró-forma no trimestre, que passou de 8,5% para 7,2%.
No total, as vendas da companhia, incluindo marketplace, subiram 24,4% no período, para o total de R$ 5,7 bilhões, enquanto a receita líquida avançou 16,6%, para R$ 4,3 bilhões.
Ao final do segundo trimestre de 2019, o resultado financeiro líquido do Magazine Luiza ficou positivo em R$ 256 milhões. No cálculo pró-forma, porém, o resultado ficou negativo em R$ 95,9 milhões.
Semestre
Nos primeiros seis meses de 2019, o Magazine Luiza acumulou lucro líquido de R$ 518,7 milhões, aumento de 80% em relação a igual período do ano passado. Na linha pró-forma, o lucro líquido caiu 13,6%, para R$ 251,2 milhões.
O Ebitda acumulado foi de R$ 775,3 milhões, alta de 26,5%, enquanto o cálculo pró-forma indica alta de 1,9%, para R$ 628,7 milhões.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia