Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 19 de junho de 2019.
Dia do Cinema Brasileiro.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR| CORRIGIR

petróleo

19/06/2019 - 17h01min. Alterada em 19/06 às 17h01min

Petrobras contrata plataforma para operar em Búzios 5

Agência Brasil
A Petrobras assinou, nesta quarta-feira (17), uma carta de intenção com o Grupo Modec para o afretamento de uma unidade que produz, armazena e transfere óleo, plataforma do tipo FPSO [na sigla em inglês], que será utilizada no projeto de desenvolvimento da produção do campo de Búzios 5, referente a Contrato de Cessão Onerosa.
A Petrobras assinou, nesta quarta-feira (17), uma carta de intenção com o Grupo Modec para o afretamento de uma unidade que produz, armazena e transfere óleo, plataforma do tipo FPSO [na sigla em inglês], que será utilizada no projeto de desenvolvimento da produção do campo de Búzios 5, referente a Contrato de Cessão Onerosa.
De acordo com a Petrobras, a plataforma vai funcionar a cerca de 180 quilômetros (km) da costa brasileira, em lâmina d'água de 1.900 metros, no pré-sal da Bacia de Santos.
A estatal informou que o projeto prevê a interligação de até 15 poços, com capacidade de processar até 150 mil barris de petróleo/dia (bpd) e 6 milhões de m³/dia de gás natural. O início da produção está previsto para 2022.
"A unidade será operada pela Modec e afretada por até 21 anos. Parte do plano de execução será realizado no Brasil, em modelo semelhante ao adotado por outras unidades afretadas pela Petrobras", informou a empresa por meio de nota.
COMENTAR| CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia