Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 30 de abril de 2019.
Dia do Ferroviário.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

mercado financeiro

Edição impressa de 30/04/2019. Alterada em 30/04 às 03h00min

Crowdfunding sobe 451% em 2018 contra 2016

A Comissão de Valores Imobiliários (CVM) informou, nesta segunda-feira (29), que o sistema de captação de recursos conhecido como crowdfunding subiu 451% em 2018 comparado ao montante de 2016, quando ainda não havia regulação desse tipo de investimento.
De acordo com a CVM, a captação saltou de R$ 8.342,924,00 em 2016 para R$ 46.006.340,00 no ano passado, com aumento de 716% no número de investidores: de 1.099 para 8.966.
As regras para a captação por crowdfunding foram estabelecidas pela Instrução CVM 588 como uma alternativa que possibilita que empresas com receita anual de até R$ 10 milhões realizem ofertas por meio de financiamento coletivo na internet com dispensa automática de registro de oferta e de emissor.
A CVM informa que as plataformas que ofereciam o serviço eram apenas 4 em 2016 e em 2018 chegaram a 14, com perspectiva de no final de abril deste ano (2019) chegar a 18.
Os dados informados pela CVM também revelam que o número médio de investidores por oferta cresceu de 31 em 2016 para 195 em 2018.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia