Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 22 de abril de 2019.
Dia Mundial da Terra. Descobrimento do Brasil.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

mercado financeiro

22/04/2019 - 11h07min. Alterada em 22/04 às 13h07min

Ibovespa abre em queda, em linha com Nova Iorque e com cautela sobre Previdência

Estadão Conteúdo
O Ibovespa é negociado em queda moderada nesta volta de feriadão em que é esperada liquidez baixa e cautela do investidor com a cena local. A depreciação do índice brasileiro assemelha-se à variação dos índices acionários futuros em Nova Iorque, onde o investidor assimila a possibilidade de ganhar força a pressão democrata a favor de um pedido de impeachment contra o presidente do Estados Unidos, Donald Trump.
Às 11h55min, o Ibovespa caía 0,71% aos 93.903 pontos. O contrato para junho do barril de petróleo do tipo Brent subia 2,40%. O futuro do Dow Jones recuava 0,30% em Nova Iorque.
A cena doméstica ainda induz o investidor a movimentações cautelosas. Segue muito grande a incerteza com o andamento da reforma da Previdência - está marcada para terça-feira a votação sobre a admissibilidade do projeto na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) - e também sobre a possibilidade de haver ou não uma greve dos caminhoneiros - mesmo depois das medidas anunciadas pelo governo Bolsonaro na semana passada.
Além disso, os agentes econômicos observam a fragilidades na coesão do Poder Executivo em prol da agenda liberal do governo Bolsonaro. Gerou mal-estar um áudio do ministro chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, que teria sugerido que o Planalto teria ingerência sobre a Petrobras no atual momento em que o próprio líder do PSL na Câmara dos Deputados, Delegado Waldir (GO), afirma publicamente que o governo não tem base no Congresso.
A queda do principal índice de ações brasileiras só não é maior porque a forte alta do contratos futuros do petróleo sustenta a valorização - ainda tímida - dos papéis da Petrobras. Blue chips de grandes bancos e da Vale estão em queda.
Os barris do óleo do tipo Brent e do tipo WTI sobem mais de 2% por conta da pressão dos Estados Unidos contra países importadores da commodity do Irã. No período da manhã, o secretário de Estado americano, Mike Pompeo, confirmou em coletiva de imprensa que o fim da isenção concedida a oito países às sanções ao Irã será aplicada a partir do dia 2 de maio. A isenção expiraria no início do mês que vem.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia