Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 24 de fevereiro de 2019.
Dia do WebDesigner.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Educação

Edição impressa de 25/02/2019. Alterada em 24/02 às 01h00min

Espaço na Pucrs amplia formação e convivência

Área de jogos e para descanso fazem parte da estratégia para ampliar convivência

Área de jogos e para descanso fazem parte da estratégia para ampliar convivência


MARIANA CARLESSO/JC
Patrícia Comunello
A Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (Pucrs) estreou um espaço diferenciado no campus em Porto Alegre que une metodologias mais modernas de aprendizado, além de focar o bem-estar dos estudantes. Chamada de Living 360°, a nova composição fez uma releitura do prédio 15, que reunia serviços de apoio ao estudante, laboratório de carreira e empreendedorismo, e convivência. A revitalização do prédio 15 integra a primeira fase do Pucrs 360°, na qual está ainda a Rua da Cultura, e envolve aporte de R$ 25 milhões.
Para convivência, os alunos podem escolher entre mesas de sinuca, pingue-pongue e pebolim. Se a ideia for uma paradinha entre uma aula e outra, pufes e cadeiras estão pelos andares. Uma cafeteria e área para aquecer um lanche no micro-ondas facilitarão a vida dos frequentadores. Nos três andares, salas permitem uma diversidade de encontros para estudos e novos projetos. Os ambientes foram pensados para acelerar a transição da fase da formação para a profissional. Um laboratório dará atendimento com mais recursos a pessoas com necessidades especiais.
Adriana Kampff, diretora de Graduação da Pucrs, afirma que o projeto atende a expectativas dos alunos, ouvidos para embasar o empreendimento, e tendências modernas de Ensino Superior. "Os novos ambientes usam metodologias investigativas que se conectam à realidade para a busca de soluções na sala de aula conectadas à comunidade", cita a diretora. "Será um local onde os estudantes vão se encontrar para lazer e estudo", completa. O Living resume muito do que o Pucrs 360 vem buscando, que é a combinação de formações complementares e interdisciplinares. 
O gerente de infraestrutura da universidade, Hélio Gregory Giaretta Júnior, lembra que a formatação foi baseada em pesquisas em outros locais, entre escolas norte-americanas, que têm tradição nestes espaços. "Buscamos a integração dos alunos, com infraestrutura, ambiente climatizado, internet e espaços com perfil mais corporativo, que simulam salas de reuniões", descreve Giaretta.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia