Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 24 de julho de 2018.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

COMBUSTÍVEIS

Edição impressa de 24/07/2018. Alterada em 24/07 às 10h43min

Litro do diesel ficou em R$ 3,54 na média nacional, mostra levantamento

Os motoristas pagaram em média R$ 3,54 pelo litro do diesel comum em junho, segundo o Índice de Preços Ticket Log (IPTL), que tem como base 18 mil postos credenciados em todo o País. A Região Norte registrou os valores mais altos para o combustível: no Amapá, o litro chegou a R$ 4,25, o mais caro do Brasil, enquanto no Acre o preço médio encontrado nas bombas foi de R$ 4,18.
O levantamento mostrou que, no Sul, os valores são bem diferentes. Em Santa Catarina, o preço médio do diesel foi R$ 3,23, o mais baixo do IPTL, no Rio Grande do Sul, R$ 3,318 e, no Paraná, R$ 3,29. Em seguida, por região, aparece o Sudeste, com destaque para São Paulo, onde o preço médio encontrado nos postos foi de R$ 3,28.
O diesel S-10 também pesou mais no bolso dos motoristas do Amapá, com média de R$ 4,39, ante R$ 3,62 da média nacional. O menor valor para o combustível foi cobrado em Santa Catarina: R$ 3,32.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia