Porto Alegre, sexta-feira, 13 de maio de 2022.
Porto Alegre,
sexta-feira, 13 de maio de 2022.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

ARTES VISUAIS

- Publicada em 13/05/2022 às 17h19min.

Exposição celebra os 100 anos da chegada de Francis Pelichek em Porto Alegre

Cerca de 60 obras do artista tcheco integram a mostra na Pinacoteca Aldo Locatelli

Cerca de 60 obras do artista tcheco integram a mostra na Pinacoteca Aldo Locatelli


CYLENE DALLEGRAVE/DIVULGAÇÃO/JC
A Pinacoteca Aldo Locatelli (Praça Montevideo, 10) inaugura neste sábado (14) a exposição Francis Pelichek - Um boêmio moderno em Porto Alegre para comemorar o centenário da chegada do artista tcheco na capital gaúcha. Em cartaz até o dia 15 de julho, a mostra festeja a poética e a memória desse grande nome. As visitações acontecem gratuitamente de segunda a sexta-feira, das 9h às 12h e das 13h30min às 17h.
A Pinacoteca Aldo Locatelli (Praça Montevideo, 10) inaugura neste sábado (14) a exposição Francis Pelichek - Um boêmio moderno em Porto Alegre para comemorar o centenário da chegada do artista tcheco na capital gaúcha. Em cartaz até o dia 15 de julho, a mostra festeja a poética e a memória desse grande nome. As visitações acontecem gratuitamente de segunda a sexta-feira, das 9h às 12h e das 13h30min às 17h.
Além de assinalar os 100 anos da fixação do artista na cidade, a mostra se insere no calendário de atividades comemorativas aos 250 anos da capital. As representações em torno da cidade são, inclusive, um dos eixos da exposição, que também vai apresentar paisagens, obras com temáticas regionalistas e tipos urbanos, além de todo um segmento calçado na relação do artista com as imagens técnicas (desenho para imprensa, fotografia e cinema) ao longo dos anos 1920 e 1930.
Serão cerca de 60 trabalhos, entre desenhos, aquarelas, fotografias, pinturas e estudos, oriundos de coleções particulares e institucionais, dentre as quais: Fundacred, Museu de Arte do Rio Grande do Sul Ado Malagoli, Pinacoteca Aldo Locatelli e Pinacoteca Barão de Santo Ângelo do Instituto de Artes da Ufrgs.
Francis Pelichek – Um boêmio moderno em Porto Alegre tem curadoria da ilustradora e pesquisadora Ana Luiza Koehler, que vem desenvolvendo uma pesquisa sobre a obra e a trajetória do artista, e da crítica e historiadora da arte Paula Ramos, professora do Instituto de Artes da Ufrgs.
Conteúdo Publicitário
Comentários CORRIGIR TEXTO