Porto Alegre, quinta-feira, 02 de dezembro de 2021.
Dia Nacional do Astrônomo. Dia do Samba. Dia Pan-Americano da Saúde.
Porto Alegre,
quinta-feira, 02 de dezembro de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

MÚSICA

- Publicada em 02/12/2021 às 08h02min.

Pela primeira vez no Brasil, maestro turco se apresenta na Ospa

Hakan Sensoy é fundador e diretor artístico da Orquestra de Câmara de Istambul

Hakan Sensoy é fundador e diretor artístico da Orquestra de Câmara de Istambul


OSPA/DIVULGAÇÃO/JC
Neste sábado (4), às 17h, a Ospa se tornará a primeira orquestra do Brasil a ser regida pelo renomado maestro turco Hakan Sensoy. Na ocasião, ele conduz a Sinfônica por um programa variado que inclui dois gigantes da história da música, Sibelius e Ravel, e também o multi-premiado músico brasileiro Daniel Wolff, que será interpretado pelo clarinetista Diego Grendene.
Neste sábado (4), às 17h, a Ospa se tornará a primeira orquestra do Brasil a ser regida pelo renomado maestro turco Hakan Sensoy. Na ocasião, ele conduz a Sinfônica por um programa variado que inclui dois gigantes da história da música, Sibelius e Ravel, e também o multi-premiado músico brasileiro Daniel Wolff, que será interpretado pelo clarinetista Diego Grendene.
As vendas virtuais para o espetáculo começam nesta quinta-feira (2) às 12h e seguem até sexta-feira (3), às 11h59min, na plataforma Uhuu. Os ingressos correspondem a 1kg de alimento não perecível que deve ser entregue no dia do concerto.
Natural de Istambul, Hakan Sensoy já se apresentou como violinista e regente nos mais importantes palcos do mundo. É fundador e diretor artístico da Orquestra de Câmara de Istambul, da Filarmônica de Istambul e diretor artístico e maestro da Izmir State Symphony Orchestra.
O maestro possui uma relação profunda com Valsa triste, obra-prima do compositor Jean Sibelius. A música que abrirá o concerto foi composta em 1903 como trilha para uma peça de teatro.
Na sequência, a orquestra apresenta uma obra de características muito brasileiras: Concerto para clarinete e orquestra de cordas, do compositor gaúcho Daniel Wolff. O clarinetista e diretor da Escola de Música da Ospa, Diego Grendene, será o responsável por interpretar o solo.
As últimas duas peças são do compositor francês Maurice Ravel, Pavane pour une Infante Défunte e Ma Mère l'Oye Suite.
Os bilhetes físicos podem ser retirados na Casa da Ospa na sexta-feira (3) e no sábado (4), das 12h às 17h. A apresentação terá transmissão ao vivo pelo YouTube e pela plataforma #CulturaEmCasa, e o público presencial será reduzido na Casa da Ospa, no Centro Administrativo Fernando Ferrari (Borges de Medeiros, 1.501).
Conteúdo Publicitário
Comentários CORRIGIR TEXTO