Porto Alegre, segunda-feira, 07 de dezembro de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
segunda-feira, 07 de dezembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

televisão

- Publicada em 14h33min, 06/12/2020. Atualizada em 18h04min, 07/12/2020.

Roda Viva entrevista diretora executiva do Greenpeace

Vera Magalhães comanda sabatina com Jennifer Morgan às 22h de segunda-feira (7) na TV Cultura

Vera Magalhães comanda sabatina com Jennifer Morgan às 22h de segunda-feira (7) na TV Cultura


Mariana Carvalho/Divulgação/JC
O programa Roda Viva desta segunda-feira (7) entrevista a diretora executiva do Greepeace Internacional, Jennifer Morgan. Ao lado da apresentadora Vera Magalhães, participam da sabatina Thiago Jekupe, líder Guarani no Jaraguá; Claudio Angelo, coordenador de Comunicação do Observatório do Clima; Giovana Girardi, repórter de ciência e ambiente do jornal O Estado de S. Paulo; Leandro Barbosa, jornalista do Projeto Solos; e Márcia Bongiovanni, apresentadora do programa Repórter Eco da TV Cultura. Há ainda a participação do cartunista Paulo Caruso. O programa vai ao ar às 22h na TV Cultura, site da emissora, Twitter, Facebook, YouTube e LinkedIn.
O programa Roda Viva desta segunda-feira (7) entrevista a diretora executiva do Greepeace Internacional, Jennifer Morgan. Ao lado da apresentadora Vera Magalhães, participam da sabatina Thiago Jekupe, líder Guarani no Jaraguá; Claudio Angelo, coordenador de Comunicação do Observatório do Clima; Giovana Girardi, repórter de ciência e ambiente do jornal O Estado de S. Paulo; Leandro Barbosa, jornalista do Projeto Solos; e Márcia Bongiovanni, apresentadora do programa Repórter Eco da TV Cultura. Há ainda a participação do cartunista Paulo Caruso. O programa vai ao ar às 22h na TV Cultura, site da emissora, Twitter, Facebook, YouTube e LinkedIn.
Com milhares de voluntários espalhados por 55 países, o Greenpeace atua em inúmeras frentes: combate ao desmatamento em florestas tropicais, como a Amazônia, defende os direitos dos povos indígenas e promove campanhas de alerta sobre o aquecimento global. As mudanças climáticas provocam degelo nos polos, o que resulta no aumento do nível dos mares, ameaçando regiões costeiras, onde residem milhões de pessoas.
Em suas campanhas, a organização sem fins lucrativos procura convencer governos, empresas e pessoas de que é preciso proteger as florestas e reduzir as emissões de carbono, provocadas pela queima de combustíveis fósseis, a fim de proteger o meio ambiente. Jennifer Morgan tentou conversar sobre esses temas com o presidente Jair Bolsonaro, no Fórum Econômico de Davos, na Suíça, mas ele se recusou a recebê-la.
Comentários CORRIGIR TEXTO