Porto Alegre, sábado, 07 de novembro de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
sábado, 07 de novembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

literatura

- Publicada em 13h30min, 07/11/2020. Atualizada em 17h59min, 07/11/2020.

Prêmio Minuano 2020 divulga obras, editoras e escritores vencedores

Luisa Geisler foi agraciada na categoria Juvenil com o título 'Enfim, capivaras' (Editora Schwarcz)

Luisa Geisler foi agraciada na categoria Juvenil com o título 'Enfim, capivaras' (Editora Schwarcz)


MARCELO G. RIBEIRO/JC
O Instituto Estadual do Livro (IEL) divulgou na noite de sexta-feira (6) as obras vencedoras da edição 2020 do Prêmio Minuano de Literatura. O anúncio foi realizado por meio de vídeo compartilhado nos canais oficiais do IEL na internet e integrou a programação da 66ª Feira do Livro de Porto Alegre, que neste ano acontece totalmente online.
O Instituto Estadual do Livro (IEL) divulgou na noite de sexta-feira (6) as obras vencedoras da edição 2020 do Prêmio Minuano de Literatura. O anúncio foi realizado por meio de vídeo compartilhado nos canais oficiais do IEL na internet e integrou a programação da 66ª Feira do Livro de Porto Alegre, que neste ano acontece totalmente online.
A premiação é uma parceria entre o IEL e o Instituto de Letras da Ufrgs, tendo por objetivo ressaltar e reconhecer a produção literária gaúcha, contribuindo para sua divulgação e para o incentivo à leitura e à produção escrita. Em sua 3ª edição, o prêmio avaliou obras de autores nascidos ou radicados no Rio Grande do Sul e/ou de editoras sediadas no Estado.
Em 2020, a divulgação dos resultados foi acompanhada de uma homenagem ao patrono do prêmio, o escritor Sergio Faraco. A trajetória e as obras do autor foram exaltadas por outras personalidades da cultura.

Confira as obras vencedoras por categoria:

CRÔNICA: O homem infelizmente tem que acabar, de Clara Corleone (Editora Zouk)
ILUSTRAÇÃO: Zeca Bum – Chaminé não é vulcão, de Rodrigo dMart, Ilustrações de Rodrigo dMart (Editora Imagina Conteúdo Criativo)
JUVENIL: Enfim, capivaras, de Luisa Geisler (Editora Schwarcz)
INFANTIL: Turma da Goiaba, de Anderson LadoBeco (Editora AVEC)
CONTO: Prosa pequena, de Amilcar Bettega (Editora Zouk)
FICÇÃO - ROMANCE/NOVELA: Controle, de Natalia Borges Polesso (Editora Schwarcz)
POESIA: Fabulário, de Ana Santos (Editora Confraria do Vento)
ESPECIAL: O novo conservadorismo brasileiro, de Marina Basso Lacerda (Editora Zouk)
Comentários CORRIGIR TEXTO