Porto Alegre, terça-feira, 18 de fevereiro de 2020.

Jornal do Comércio

Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

CORRIGIR

música

Notícia da edição impressa de 13/02/2020. Alterada em 13/02 às 03h00min

Ocidente recebe o Noisy Bazaar

Death metal da banda Rebaelliun é uma das atrações da noite

Death metal da banda Rebaelliun é uma das atrações da noite


DAY MONTENEGRO/DIVULGAÇÃO/JC
Evento já tradicional no cenário metal, punk e hardcore de Porto Alegre, o Noisy Bazaar acontece pela primeira vez no Ocidente (Osvaldo Aranha, 960) nesta quinta-feira (13), às 21h30min. No palco, estarão as bandas Syringa Vulgaris e Rebaelliun, que gravará o show para futuro lançamento. A entrada custa R$ 30,00, na bilheteria da casa.
Evento já tradicional no cenário metal, punk e hardcore de Porto Alegre, o Noisy Bazaar acontece pela primeira vez no Ocidente (Osvaldo Aranha, 960) nesta quinta-feira (13), às 21h30min. No palco, estarão as bandas Syringa Vulgaris e Rebaelliun, que gravará o show para futuro lançamento. A entrada custa R$ 30,00, na bilheteria da casa.
Banda emblemática do cenário death metal gaúcho, a Rebaelliun fará uma apresentação especial, na qual Lohy Silveira (baixo e vocal), Evandro Passos (guitarra) e Sandro Moreira (bateria) dividirão o palco com os ex-integrantes Ronaldo Lima e Marcelo Marzani, celebrando mais de 20 anos de trajetória no underground. O show também terá um clima de homenagem ao guitarrista e fundador da banda, Fabiano Penna, falecido em 2018. Abrindo a noite, a dupla Syringa Vulgaris é voltada para a quebra de paradigmas. Marcelo Marzari e André Znort misturam som extremo com axé, punk/HC, ska e psychobilly. 
Idealizado pela fotógrafa e produtora Indy Lopes, o Noisy Bazaar busca unir e impulsionar a cena underground gaúcha, e inclui atrações em artes gráficas, serigrafia e zines, além de vender material de bandas locais.