Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 29 de novembro de 2019.

Jornal do Comércio

Cultura

COMENTAR | CORRIGIR

Cinema

Edição impressa de 29/11/2019. Alterada em 29/11 às 03h00min

'Santo moderno' narra a história de ex-prisioneiro de campos nazistas

Maximiliano Kolbe é uma das personalidades mais conhecidas da polônia

Maximiliano Kolbe é uma das personalidades mais conhecidas da polônia


/A2 FILMES/DIVULGAÇÃO/JC
Detentor de uma obra tão impactante quanto sua morte, em 1941, Maximiliano Kolbe é a figura retratada em Duas coroas. O santo é uma das personalidades mais reconhecidas internacionalmente da Polônia.
Detentor de uma obra tão impactante quanto sua morte, em 1941, Maximiliano Kolbe é a figura retratada em Duas coroas. O santo é uma das personalidades mais reconhecidas internacionalmente da Polônia.
O filme apresenta parte da memória de Kolbe, usando de uma narrativa que une interpretação com documentário, tendo depoimentos de pessoas que o conheceram e especialistas, além da fala de Kazimierz Piechowski, ex-prisioneiro de campos nazistas. Ainda que estivesse com a saúde debilitada e sem muitos recursos, ele criou o movimento global conhecido como Milícia da Imaculada, o que fez com que Kolbe fosse conhecido foi um ato de salvar um homem.
Mesmo em seu período, ele já antecipava a utilização do cinema como forma de transmitir uma mensagem de esperança e amor. Ele também escreveu que gostaria que o Brasil recebesse sua obra.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia