Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 21 de novembro de 2019.
Dia Mundial da Televisão. Dia da Homeopatia e Dia do Homeopata.

Jornal do Comércio

Cultura

COMENTAR | CORRIGIR

ARTES CÊNICAS

Edição impressa de 22/11/2019. Alterada em 22/11 às 03h00min

Teatro Glênio Peres recebe o espetáculo 'Afluência'

Afluência é atração da Mostra do Teatro Glênio Peres

Afluência é atração da Mostra do Teatro Glênio Peres


RENATA HILAL/DIVULGAÇÃO/JC
O espetáculo híbrido Afluência - de dança, música, artes visuais e experimentações - é atração da V Mostra de Artes Cênicas e Música do Teatro Glênio Peres da Câmara Municipal de Porto Alegre (Loureiro da Silva, 255). O projeto da bailarina Geórgia Macedo, dos músicos Thiago Ramil e Felipe Zancanaro e da artista visual Isabel Ramil tem sessões sexta-feira e sábado, às 19h. A entrada é franca. Com este encontro e atravessados pelos contextos ambientais que envolvem o Estado, os artistas retomam a pesquisa que realizaram junto aos afluentes do Guaíba e convidam atores, bailarinos e a kujà (pajé) Kaingang Iracema Gã Ra Nascimento para participar da montagem. 
O espetáculo híbrido Afluência - de dança, música, artes visuais e experimentações - é atração da V Mostra de Artes Cênicas e Música do Teatro Glênio Peres da Câmara Municipal de Porto Alegre (Loureiro da Silva, 255). O projeto da bailarina Geórgia Macedo, dos músicos Thiago Ramil e Felipe Zancanaro e da artista visual Isabel Ramil tem sessões sexta-feira e sábado, às 19h. A entrada é franca. Com este encontro e atravessados pelos contextos ambientais que envolvem o Estado, os artistas retomam a pesquisa que realizaram junto aos afluentes do Guaíba e convidam atores, bailarinos e a kujà (pajé) Kaingang Iracema Gã Ra Nascimento para participar da montagem. 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia