Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 22 de novembro de 2019.
Dia do Músico.

Jornal do Comércio

Cultura

COMENTAR | CORRIGIR

Artes cênicas

Edição impressa de 22/11/2019. Alterada em 22/11 às 17h19min

Novo espetáculo do Canoas Coletivo de Dança inicia temporada no Instituto Ling

'Sambaracotu' tem apresentações às sextas e aos sábados até 7 de dezembro

'Sambaracotu' tem apresentações às sextas e aos sábados até 7 de dezembro


MACIEL GOELZER/DIVULGAÇÃO/JC
O Canoas Coletivo de Dança começa temporada no Instituto Ling (João Caetano, 440) do espetáculo Sambaracotu, com apresentações nas sextas-feiras, às 20h, e sábados, às 18h, até 7 de dezembro. Ingressos por R$ 40,00.
O Canoas Coletivo de Dança começa temporada no Instituto Ling (João Caetano, 440) do espetáculo Sambaracotu, com apresentações nas sextas-feiras, às 20h, e sábados, às 18h, até 7 de dezembro. Ingressos por R$ 40,00.
Dirigido por Álvaro RosaCosta, Carlota Albuquerque e Simone Rasslan e tendo oito bailarinos no elenco, Sambaracotu procura criar uma conversa entre dança urbana e diversidade sonora nacional. A dramaturgia surgiu após intensa pesquisa sobre cultura popular, música, literatura e dança urbana. Além da trilha sonora gravada, há também uma mistura de sons que acontece ao vivo, por meio das performances dos bailarinos do coletivo, feita com boias, caixas, câmaras de pneu e outros objetos.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia