Porto Alegre, sábado, 25 de julho de 2020.
Dia do Escritor. Dia do Motorista .

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
sábado, 25 de julho de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

NO PALCO

- Publicada em 03h25min, 16/10/2019. Atualizada em 08h31min, 16/10/2019.

Estreia de espetáculo no Opinião homenageia o rock gaúcho

'De volta para a garagem', de Bob Bahlis, apresenta ficção com músicos regionais em um encontro

'De volta para a garagem', de Bob Bahlis, apresenta ficção com músicos regionais em um encontro


MARCELO CAMPOS/DIVULGAÇÃO/JC
Sendo uma homenagem para o Rock Gaúcho, De volta para a garagem se inicia às 20h desta quarta-feira (16), no Opinião (José do Patrocínio, 834). Os ingressos para o espetáculo são vendidos entre R$ 40,00 (doação de 1 kg de alimento não perecível) e R$ 60,00.
Sendo uma homenagem para o Rock Gaúcho, De volta para a garagem se inicia às 20h desta quarta-feira (16), no Opinião (José do Patrocínio, 834). Os ingressos para o espetáculo são vendidos entre R$ 40,00 (doação de 1 kg de alimento não perecível) e R$ 60,00.
Livremente inspirada no texto de Caio Fernando Abreu, Pode ser que seja só o leiteiro lá fora, se trata de uma peça teatral musical fictícia, com certos momentos do texto tendo diálogos construídos a partir conversas ao qual o diretor Bob Bahlis teve com alguns músicos da cena do rock gaúcho. O espetáculo se passa durante uma tempestade que atinge Porto Alegre, enquanto acontece um encontro inusitado entre Biba Meira, Charles Master, Edu K., Flávio Basso e Frank Jorge em uma garagem.
Mesmo com o tempo que destrói a cidade, eles seguem a madrugada inteira tocando canções do rock gaúcho, como Amigo punk, Lugar do caralho, Estou na mão, entre outras. Os músicos também conversam sobre a cultura rock, beat, questionamentos como identidade, a dificuldade de viver de música e arte, astrologia, budismo, além da pressão de fazer sucesso numa cidade como Porto Alegre.
Comentários CORRIGIR TEXTO