Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 14 de outubro de 2019.
Feriado nos EUA: Columbus Day.

Jornal do Comércio

Cultura

COMENTAR | CORRIGIR

EXPOSIÇÃO

Edição impressa de 14/10/2019. Alterada em 14/10 às 03h00min

Instituto de Artes da Ufrgs inaugura mostra gratuita no Espaço Ado Malagoli

Gabriela Cunha abre exposição 'Paisagem: entre arquivos, lugares e pensamentos'

Gabriela Cunha abre exposição 'Paisagem: entre arquivos, lugares e pensamentos'


GABRIELA CUNHA/DIVULGAÇÃO/JC
O Espaço Ado Malagoli (Senhor dos Passos, 248) recebe a partir desta segunda-feira (14), às 19h, a exposição gratuita Paisagem: entre arquivos, lugares e pensamentos, de Gabriela Cunha. A mostra segue aberta até 1 de novembro, de segunda a sexta-feira, das 8h30min às 21h30min.
O Espaço Ado Malagoli (Senhor dos Passos, 248) recebe a partir desta segunda-feira (14), às 19h, a exposição gratuita Paisagem: entre arquivos, lugares e pensamentos, de Gabriela Cunha. A mostra segue aberta até 1 de novembro, de segunda a sexta-feira, das 8h30min às 21h30min.
Artista visual e graduanda do Instituto de Artes da Ufrgs, Gabriela trabalha com pintura, desenho e fotografia e procura usar em sua produção a exploração da paisagem e relacioná-la com memória e arquivo. A artista faz experimentações, acasos e arrastos como algo recorrente, além da tinta mais escorrida e respingos que apontam para uma passagem de tempo nas cenas de paisagem.
Assim, as imagens são tidas como referências iniciais que vão perdendo e ganhando informações quando passam para a tela. Outra proposta é exibir as estruturas e linhas para denotar uma paisagem habitada.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia