Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 25 de março de 2019.

Jornal do Comércio

Cultura

COMENTAR | CORRIGIR

acontece

Edição impressa de 25/03/2019. Alterada em 25/03 às 01h00min

Exposição aborda as dimensões do feminismo no Memorial do Rio Grande do Sul

Engenho para aguardente em Kronenthál, nesta segunda-feira no município Vale Real

Engenho para aguardente em Kronenthál, nesta segunda-feira no município Vale Real


ACERVO HISTÓRICO DO RS/DIVULGAÇÃO/JC
O Mês a mês na História segue até 31 de março, no Memorial do Rio Grande do Sul (Sete de Setembro, 1.020). A mostra gratuita aborda as dimensões do feminismo, propondo a discussão sobre o papel da mulher em diferentes períodos, desde o regime militar até a escravidão no Brasil.
O primeiro eixo da exposição cria um diálogo por meio de fontes primárias entre mulheres, liberdade, justiça e direitos; enquanto a segunda abordagem discute sociedade, cotidiano e expressão. A exposição ainda traz um livro de recortes de Maria Kruel, destacando produções de mulheres como Cecília Meireles, com a celebração do Dia da Poesia e a expressividade poética.
Além desses elementos, o público também pode conferir fotografias e cartões postais que expressam os padrões de beleza femininos no final do século XIX e início do século XX, além do cotidiano delas em diferentes espaços da sociedade. Ainda estão expostos documentos sobre mulheres dentro da sala de aula em alusão ao Dia da Escola.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia