Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 24 de dezembro de 2018.

Jornal do Comércio

Cultura

COMENTAR | CORRIGIR

MÚSICA

Edição impressa de 24/12/2018. Alterada em 24/12 às 01h00min

O embalo de 2019: confira os shows que vêm por aí em Porto Alegre

Ed Sheeran tem show em Porto Alegre no dia 17 de fevereiro

Ed Sheeran tem show em Porto Alegre no dia 17 de fevereiro


Christopher Polk/Getty Images for iHeartMedia/AFP/JC
Ricardo Gruner
No fim de 2017, os gaúchos já contavam dinheiro para a maratona de shows anunciados para 2018 - vários deles em estádios, como Katy Perry, Shakira, Andrea Bocelli e Roger Waters. Agora, não se pode esperar uma agenda tão intensa para 2019: o único espetáculo de grande porte confirmado é o de Ed Sheeran, na Arena do Grêmio. Espaços menores, no entanto, já têm algumas datas reservadas.
Grande atração do primeiro semestre, Sheeran estreia na Capital em 17 de fevereiro. O evento é um dos únicos compromissos do britânico no Brasil: ele também se apresenta em São Paulo, nos dias 13 e 14, no Allianz Parque. O artista segue divulgando Divide (2017), CD dos hits Shape of you e Perfect.
Fora do circuito das produções milionárias, o Opinião recebe dois roqueiros logo no começo do ano. No dia 21 de janeiro, é a vez de Phil Anselmo, que ajudou a construir a história do heavy metal com seu trabalho frente ao Pantera. O músico se apresenta acompanhado pela banda The Illegals, com quem gravou dois discos. Em 22 de fevereiro, a australiana Courtney Barnett tem a missão de mostrar aos porto-alegrenses por que recebeu uma indicação ao Grammy, como revelação, em 2016. Ela tem dois discos solo na bagagem, além de um álbum em parceria com o norte-americano Kurt Vile.
O mesmo palco também recebe, no dia 13 de março, o show da banda inglesa Saxon. Os veteranos do heavy metal lançaram o compacto Thunderbolt em 2018, mas, ao vivo, também têm destacado canções de Denim and leather (1983). Mas engana-se quem achar que o espaço só vai receber shows de rock: o grupo jamaicano Israel Vibration traz seu reggae no mesmo mês - ainda sem dia definido.
Também em março, os fãs do rock britânico clássico vão poder conferir a ópera-rock Tommy, um marco na carreira do The Who, no Auditório Araújo Vianna. O filme, originalmente dirigido por Ken Russel, ganha versão musical ao vivo em montagem do diretor Alan Veste. Há de se ressaltar que a banda é tributo, e não o The Who de Roger Daltrey e Pete Townshend. O espetáculo multimídia conta com os personagens do filme, mesclando músicos, vocalistas e atores profissionais.
Já a cantora norueguesa Aurora, que retornou às paradas de mais de 50 países com o álbum Infections of a diferent kind step I, vai subir ao palco do Opinião no dia 23 de maio, para mostrar o seu indie/electropop, sucesso nas plataformas de streaming, arrancando comentários positivos até da estrela Katy Perry. Ela também teve bastante elogiado seu show no Lollapalooza Brasil 2018.
No final do primeiro semestre, quem volta ao Brasil é o guitarrista Slash, acompanhado por Myles Kennedy & The Conspirators. Com trabalho célebre ao lado do Guns N' Roses, o artista leva o espetáculo do disco Living the dream ao Pepsi on Stage no dia 21 de maio.
Para os adeptos do turismo musical, há, pelo menos, duas opções de festivais no Sudeste. O Lollapalooza acontece em São Paulo entre 5 e 7 de abril: com programação já delineada, a agenda inclui shows de Arctic Monkeys, Kendrick Lamar, Tribalistas, Lenny Kravitz, Sam Smith, Tiësto e Greta van Fleet, entre outros. O Rock in Rio ainda não divulgou toda a escalação. O festival ocorre em 27, 28 e 29 de setembro e 3, 4 e 5 de outubro. Algumas das atrações conhecidas são Iron Maiden, Sepultura, Muse, Imagine Dragons, Pink, The Black Eyed Peas, Anitta e Seal.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia