Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 14 de setembro de 2021.
Aniversário da cidade de Viamão.
Porto Alegre,
terça-feira, 14 de setembro de 2021.
Notícia da edição impressa de 14/09/2021.
Alterada em 14/09 às 03h00min

Esforço para unificar a oposição

Ex-juiz Sergio Moro é sondado como terceira via na disputa ao Planalto

Ex-juiz Sergio Moro é sondado como terceira via na disputa ao Planalto


MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL/JC
A baixa mobilização popular nas manifestações feitas no final de semana pela oposição está provocando várias reuniões de avaliação em Brasília. É um motivo de preocupação para seus participantes. Por outro lado, o fato de terem reunido no mesmo palanque políticos tão diferentes é ponto positivo, pois todos têm uma bagagem de votos significativos e uma longa estrada já percorrida.
A baixa mobilização popular nas manifestações feitas no final de semana pela oposição está provocando várias reuniões de avaliação em Brasília. É um motivo de preocupação para seus participantes. Por outro lado, o fato de terem reunido no mesmo palanque políticos tão diferentes é ponto positivo, pois todos têm uma bagagem de votos significativos e uma longa estrada já percorrida.
Palanque plural
Agora é o esforço, nada fácil para que as forças da oposição que foram aos palanques, como Ciro Gomes, João Doria, Luiz Henrique Mandetta, Simone Tebet, Alessandro Vieira e João Amoêdo, entre outros, comecem a construir seu palanque plural, alinhando suas diferenças, e focar no que pode ser uma candidatura presidencial única em 2022. Para o ex-ministro Mandetta, os atos de domingo foram "treino livre". Ele avalia que movimentos contrários ao governo ainda estão "engatinhando".
Mais contra o STF
Para o senador gaúcho Lasier Martins (Podemos), "o presidente Jair Bolsonaro continua tendo muita aceitação do eleitorado". Destaca, contudo, que "não podemos ignorar que grande parcela daquela população que foi às mobilizações, foi lá para protestar contra os excessos do Supremo Tribunal Federal, isso não pode se descartar nunca". Na avaliação do senador gaúcho, "há hoje em dia uma indignação muito grande da população contra o STF, e isso aí tem que ser contabilizado nessas manifestações de 7 de setembro", afirmou Lasier Martins.
Dividiram facções antagônicas
As manifestações deste domingo, segundo o senador do Podemos, podem ser consideradas um fracasso por dois motivos: "dividiram a manifestação entre as esquerdas e aqueles que querem a terceira via, e com essa divisão uma facção não quis prestigiar a outra, e por isso também houve pouca gente nas manifestações, porque dividiram duas facções antagônicas. As esquerdas querem o Lula, e há o outro lado que quer a terceira via".
Terceira via
Na opinião de Lasier Martins, "a terceira via está completamente indefinida, tem muitas ambições e pouquíssimo apoio a qualquer dos candidatos". O senador revelou que o Podemos está esperando para o mês de outubro a definição do ex-juiz Sergio Moro, "ele prometeu que em outubro dará uma resposta para ser ou não candidato do partido ao Palácio do Planalto".
Moro ou Alvaro Dias
Segundo Lasier, "se Moro não responder positivamente, a tendência é o Podemos lançar de novo Alvaro Dias, e aí temos esperança de que ele catalise bastante, mas por ter uma fragmentação, uma pulverização muito grande, temos aí no mínimo meia dúzia de pré-candidatos de terceira via. É muito difícil apontar quem teria mais chances no momento".
Sergio Moro define caminho
Ex-juiz federal e ex-ministro da Justiça Sergio Moro tem que definir seu caminho, se fica na consultoria norte-americana, em Washington, ou se volta ao Brasil. Não está envolvido na política brasileira no momento, não tem se exposto nas redes sociais, mas tem contato com empresários, alguns ex-ministros, como Luiz Henrique Mandetta, da Saúde, e o general Santos Cruz, da Secretaria de Governo da Presidência da República.
Comentários CORRIGIR TEXTO
Edgar Lisboa
Edgar Lisboa
Notícias da capital federal e informações sobre projetos do Congresso Nacional e medidas do Palácio do Planalto, especialmente com interesse do Rio Grande do Sul estão na coluna Repórter Brasília. O jornalista Edgar Lisboa traz um resumo diário do que de mais importante acontece na tramitação do Legislativo e na movimentação da bancada federal gaúcha.