Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 12 de julho de 2019.
Dia do Engenheiro Florestal.

Jornal do Comércio

Notícia da edição impressa de 12/07/2019.
Alterada em 12/07 às 03h00min
COMENTAR| CORRIGIR

Presidente do Mercosul

Prefeito de Farroupilha Claiton Golçalves, primeira-dama, Fran Somensi, Bibo Nunes e Bolsonaro

Prefeito de Farroupilha Claiton Golçalves, primeira-dama, Fran Somensi, Bibo Nunes e Bolsonaro


CAROLINA ANTUNES/PR/JC
Jair Bolsonaro (PSL), "presidente do Mercosul", vai ser empossado no dia 6 de dezembro, em Canela, anuncia o deputado federal gaúcho Bibo Nunes (PSL), destacando que "agora vai". Disse que, no dia 6 de dezembro, os olhos do Mercosul estarão voltados para a serra gaúcha, com a presença de comitivas dos países integrantes do bloco.
Agora, sem esquerdistas
O deputado Bibo Nunes, um dos mais aguerridos críticos da esquerda no Congresso Nacional, afirma que, "agora, com o Bolsonaro, e se se reeleger o Mauricio Macri, na Argentina, estou acreditando no desenvolvimento do Mercosul. Agora, não tem mais esses esquerdistas atrapalhando, e podemos acreditar no Mercosul".
União Europeia
O parlamentar classifica o acordo do Mercosul com a União Europeia de "excelente". Enfatiza: "Há 20 anos que estávamos tentando e, agora, conseguimos porque o Brasil tem credibilidade". O deputado questiona: "Antes, o Brasil era parceiro de quem? Da Bolívia, de Cuba, da Venezuela. Hoje, é parceiro dos Estados Unidos, de Israel, da França, da Inglaterra, da Coreia do Sul. Só potências". O congressista argumenta que, "hoje, o Brasil é outro país; vai entrar na OCDE (Organização para a Cooperação de Desenvolvimento Econômico), os 35 países mais desenvolvidos do mundo. Hoje, o Brasil tem credibilidade".
Catapultar o desenvolvimento
Na opinião de Bibo Nunes, "tudo vai ampliar. O Brasil vai catapultar o desenvolvimento". Segundo ele, "teremos pleno emprego para a juventude em um ano, isso já foi anunciado pelo ministro (da Economia) Paulo Guedes". E comemora: "Preço do gás agora baixa, até o final de agosto baixa 50% o preço do gás. Frisou que ele (Paulo Guedes) explicou como é que baixa, porque eles gastam muito gás só para injetar e sair mais rápido a produção, e não precisa isso, pode ser com água. Pode fazer com água e economizar o gás. Uma coisa tão simples, e o gás vai baixar pela metade o preço", assinalou o deputado.
Capital do Moscatel
O presidente Bolsonaro comemora a vitória do governo, na primeira etapa da reforma da Previdência, com moscatel e vinho do Rio Grande do Sul. O prefeito de Farroupilha, Claiton Gonçalves (PDT, à direita de Bolsonaro na foto), esteve no Palácio do Planalto, na quarta-feira à tarde, acompanhado pelo deputado Bibo Nunes (dir.) para agradecer ao presidente da República pelo apoio dado para eleger o município de Farroupilha como Capital Nacional do Moscatel.
COMENTAR| CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia

Edgar Lisboa

Notícias da capital federal e informações sobre projetos do Congresso Nacional e medidas do Palácio do Planalto, especialmente com interesse do Rio Grande do Sul estão na coluna Repórter Brasília. O jornalista Edgar Lisboa traz um resumo diário do que de mais importante acontece na tramitação do Legislativo e na movimentação da bancada federal gaúcha.