Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 30 de julho de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quinta-feira, 30 de julho de 2020.
Notícia da edição impressa de 30/07/2020.
Alterada em 29/07 às 21h12min

Pensar a cidade

Startup cria solução para o descarte de resíduos da construção civil em Porto Alegre (coluna Pensar a cidade, Jornal do Comércio, edição de 29/07/2020). Parabéns por esta iniciativa, desta forma, este lixo terá destino certo gerando a reciclagem correta! (Rosangela Blumenthal Sequeira)
Startup cria solução para o descarte de resíduos da construção civil em Porto Alegre (coluna Pensar a cidade, Jornal do Comércio, edição de 29/07/2020). Parabéns por esta iniciativa, desta forma, este lixo terá destino certo gerando a reciclagem correta! (Rosangela Blumenthal Sequeira)
Pensar a cidade II
Maravilha de projeto dessa startup, esse é o futuro! Atenção arquitetos, engenheiros, empreiteiros e construtoras, se liguem! (Marcelo Barbosa)
Febre aftosa
Mais uma doença viral muito mal administrada pelo poder público. Hoje a aftosa está sob controle, utilizando uma vacina altamente efetiva. Não é que querem tirar a tranquilidade dos pecuaristas! Não existe nenhuma vantagem para a medida, somente riscos imensos. Não controlam o vírus que ataca os humanos e querem controlar o que ataca os animais? É muita pretensão e irresponsabilidade com o patrimônio alheio. Achar que comprando carros e contratando pessoas tudo está resolvido é mostrar um despreparo completo para gerir um assunto de tamanha relevância. Até agora, não vi ninguém dizer o que será feito para controlar o javali - porco do mato - invasor do Estado e grande vetor da febre aftosa. (Sérgio Tostes de Escobar, produtor rural)
Bandeiras
Está todo mundo reclamando das bandeiras em que regiões do Rio Grande do Sul foram colocadas. As bandeiras podem e estão restringindo atividades importantes em cidades gaúchas, por decisões locais também, porém temos as reclamações dos prefeitos e entidades representativas do comércio e serviços. No Jornal do Comércio, página 5, edição de 28/07/2020, fiquei sabendo que mais de 60% da população do Rio Grande do Sul têm restrições por conta de estar na bandeira vermelha. Isso está paralisando muitas atividades. Resultado negativo só saberemos quando a pandemia der uma trégua, o que não está fácil, até esta semana. (Arthur Leôncio de Bragança, Bagé/RS)
Refinarias
Qual a razão de ser de estatais no desenvolvimento do Brasil? Quando estourou a Covid-19, reclamaram que tudo aqui é caro, que se importa de tudo devido ao custo Brasil. Quais insumos entram no custo Brasil: mão de obra, juros, logística, energia elétrica, transporte (derivado de petróleo), impostos etc. Petrobras e Eletrobras foram criadas para alavancar a indústria, fornecendo energia ao menor custo possível. Estão querendo vender refinarias. Esquecem que foi com o resultado das refinarias que a exploração foi conquistada. As refinarias estão trabalhando na tangente. Mas esta situação foi planejada por pessoas que assumiram a direção da Petrobras. (Carlos Humberto Furlan, petroleiro)
 
Comentários CORRIGIR TEXTO
Roberto Brenol Andrade
Roberto Brenol Andrade
A opinião dos leitores do Jornal do Comércio é publicada diariamente no espaço Palavra do Leitor.