Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 29 de junho de 2018.
Dia da Telefonista.

Jornal do Comércio

Colunas

COMENTAR | CORRIGIR
Roberto Brenol Andrade

Palavra do Leitor

Notícia da edição impressa de 15/06/2018. Alterada em 15/06 às 01h00min

IPTU de Porto Alegre

Os argumentos utilizados para alterar o valor venal dos imóveis de Porto Alegre, e assim aumentar a arrecadação do IPTU, até podem ser justificáveis, porém, não se tente passar a ideia de que por quase 30 anos o imposto ficou sem correção. Aliás, a majoração aplicada se deu em percentuais idênticos ou até superiores àqueles estabelecidos para reajustar os salários dos trabalhadores em geral. A elevação estratosférica pretendida agora pela prefeitura, se aprovada, forçaria muitos proprietários a colocarem à venda seus imóveis onde residem há décadas, face a total impossibilidade de arcar com os altos custos, produzindo dessa forma uma injustiça social. E isso está pesando na avaliação dos vereadores. (Roberto Fissmer, Porto Alegre)
Funil da rodoviária
A EPTC tem limitado com cones o acesso à Castelo Branco, atrás da rodoviária, em horário de pico. Ocorre que entra um veículo de cada vez e depois ficam duas ou três filas de carros até o final do funil onde apenas uma fila entra na Castelo. Sugestão: colocar cones até o acesso final e fiscalizar o acesso, evitando assim que se formem as filas duplas ou triplas com funil adiante. Deixar como está só piora o trânsito naquele local. Urge rápida solução. (Antonio Carlos Paz, Porto Alegre)
Pesquisa
A pesquisa Datafolha das eleições 2018, para presidente, revela um cenário bem mais horrendo do que um corrupto pontuando alto nas intenções de voto: revela o perfil de um País que teve a educação e o estímulo ao "pensar" sendo restringindo, por décadas a fio, somente a pouco mais que 10% da população. Somos uma minoria pensante sujeitos à escolha de milhões de convertidos - propositadamente - em analfabetos sociais e políticos. Televisão e ditadura moldaram o cérebro desse País. (Gabriéu Guimaraens)
Pensão a ex-governadores
Gostaria de me manifestar aqui sobre o projeto protocolado pelo deputado Gabriel Souza (MDB), acabando com a pensão aos ex-governadores. Essa é a real vontade do povo. Parabéns deputado, está principiando a moralização no Rio Grande do Sul. Que sirva de exemplo para todo Brasil, e que todos partidos se unifiquem para que isso realmente tenha resultados que irão beneficiar a economia brasileira. (Ildo Lange, empresário)
Kim e Trump
A Guerra da Coreia foi uma tragédia após outra tragédia e bem maior, a II Guerra Mundial. As duas Coreias, do Norte, comunista, e a do Sul, capitalista, ficaram separadas desde 1953. Somente agora há possibilidade de aproximação. É o que se espera da cúpula entre dois líderes, para mim, insanos, Kim Jong-um, da Coreia do Norte, e Donald Trump, dos EUA. Quem sabe, uma reunificação? Mas, isso só Deus sabe. (Nataniel Gomes de Sá, Porto Alegre)
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia