Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 22 de outubro de 2020.
Dia do Enólogo.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quinta-feira, 22 de outubro de 2020.
22/10/2020 - 09h20min.
Alterada em 22/10 às 16h46min

Missão é doar-se

Dom Adilson Pedro Busin, bispo auxiliar da Arquidiocese de Porto Alegre.
Dom Adilson Pedro Busin, bispo auxiliar da Arquidiocese de Porto Alegre.
O mês de outubro é considerado pela Igreja Católica como o “Mês das Missões”. A palavra “missão” pode assumir vários significados. É comum vermos nas salas de recepção de instituições de ensino, hospitais, ou mesmo empresas e fábricas, painéis explicando a missão daquela obra. Até em Hollywood, missão é título de muitos filmes. Aqui neste espaço, acentuo o aspecto existencial e, especificamente, evangélico de missão.
O Papa Francisco diz que “nossa vida é missão”. Este é o lema do Mês Missionário. Um fio de ouro que conduz toda a ação missionária. Missão é sair para encontrar o outro. Na pandemia, o encontro tomou o caminho do digital. Dizem que tenha vindo pra ficar. Um novo modo de ser presença. Isto não diminuiu a intensidade do ser missionário. As redes sociais podem, também, ser um grande canal para organizar a caridade. Até porque centenas de milhares de cestas básicas distribuídas nas paróquias, grupos e instituições de boa vontade, traduzem a ação missionária como gesto de sair de si e ir ao encontro do outro. O digital tornou-se refeição em milhares de famílias. As visitas aos enfermos, a presença nos funerais, uma palavra de consolo aos que sofrem, alentar os abatidos, acolher o estrangeiro. Missão é abrir-se, doar-se, contribuindo para a edificação do bem da humanidade e do cuidado da Casa Comum (a natureza).
Os médicos e profissionais da saúde que, neste tempo de pandemia, se doam incansavelmente aos irmãos atingidos pela Covid-19, vivem uma intensa missão de salvar vidas. Missão é fazer da vida um gesto de doação. A fé em Jesus Cristo joga uma luz de verdade sobre nosso existir. O humano de sua encarnação mostra que a vida assume o sentido mais profundo e belo no extremo do sofrimento. Sua vida se faz doação, entrega e abnegação total. “Não há maior amor do que dar a vida. ” Missão é amar e dar a vida. É a missão do divino Salvador. Oramos e aplaudimos quando as equipes médicas recuperam um ente próximo que amamos. A vida importa, sim! Por isso, ela é missão e tem que ser vivida na plenitude. Deixar o egoísmo e ir ao encontro do outro. Alteridade, solidariedade, encontrar e cuidar do irmão.
A Carta Encíclica “Fratelli tutti” (“Todos irmãos”), publicada pelo Papa Francisco no início deste mês, também é apelo a cada um empenhar-se nesta missão. Missão é partir, deixar tudo, ir além fronteira. “Ide e anunciai o evangelho a todos os povos”. Este é outro aspecto da vida que se faz missão. A Igreja nasceu missionária. Está em sua essência e no seu germe. O batismo imprime esta marca. Com o sopro do Espírito, ninguém pode ficar parado. Os discípulos partiram para anunciar. A vida que é missão se torna ainda mais exigente quando se tem que partir. Paulo dirá que “é preciso lançar-se para frente”. Deixar a terra, a pátria, a cultura e assumir o diferente e novo. Anunciar pela vida e pela palavra, sem impor ou destruir. Viver a alegria do evangelho. “Ide e anunciai” sem medo. Na pandemia e nos sofrimentos mais agudos da humanidade Ele não nos abandona. Porque no abandono o Senhor se fez doação suprema na cruz. Ali está a missão do Deus feito Homem que se fez morte para termos nós a vida. Esta é a única razão pela qual vale a pena deixar tudo, cruzar fronteiras e mares para anunciar que Deus nos ama. O mundo tem uma vocação de fraternidade e destino ao bem. Missionário é semeador da boa nova do Senhor da vida.
Servo humilde da humanidade. Missão é “ajoelhar-se diante do mundo e pedir licença para fazer-lhe um pouco de bem!” Missão é doar-se. No amor, a vida se faz missão. “Benditos os pés dos mensageiros da paz”. Na missão da vida podemos dizer como Isaías: “Eis-me aqui, envia-me”!
Novas nomeações da Arquidiocese de Porto Alegre - O arcebispo Metropolitano de Porto Alegre, Dom Jaime Spengler, divulgou nesta segunda-feira (19), nomeações do clero da Arquidiocese de Porto Alegre. Acesse: https://bit.ly/3oewJCc
Eleições 2020 contra fakenews - A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) será embaixadora da campanha #EuVotoSemFakecampanha”, lançada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) no dia 29 de setembro deste ano. O objetivo da iniciativa é que os candidatos sejam eleitos de maneira legítima e ética, por meio de informações verdadeiras, divulgadas em seu contexto, livres de distorções. Trata-se de uma coalizão de checagem de fatos sobre o processo eleitoral. Saiba mais: https://bit.ly/2HlrTSV
A oração é a salvação do ser humano - Na catequese da Audiência Geral desta quarta-feira (21), o Papa Francisco prosseguiu com a segunda parte do tema “A oração dos Salmos”. Francisco iniciou, dizendo aos fiéis presentes na Sala Paulo VI, que devemos mudar a maneira de realizar a Audiência Geral por causa do coronavírus. “Vocês estão separados, com proteção, usando máscaras, e eu estou aqui um pouco distante. Não posso fazer como antes me aproximar de vocês, pois toda vez que eu me aproximo, vocês se juntam e se perde a distância de segurança e tem perigo para vocês de contágio. Portanto, nos saudaremos de longe, mas saibam que estou próximo a vocês com o coração”, frisou. “Se você reza muitos Terços por dia, mas depois fala dos outros, tem rancor dentro de si, odeia os outros, isto é puro artifício, não é verdade, não é consistente. De Deus recebemos este mandamento: aquele que amar a Deus, ame também ao seu irmão”, disse o Papa sobre a importância da oração sincera. Assista a mensagem do Santo Padre: https://youtu.be/48hygp07l8U
Comentários CORRIGIR TEXTO
Dom Jaime Spengler
Dom Jaime Spengler
A Arquidiocese de Porto Alegre renova sua tradicional coluna no Jornal do Comércio, antes intitulada "A Voz do Pastor", e passa a chamá-la "Olhar da Fé", com publicação exclusiva na versão online do veículo. Todas as quintas-feiras, Dom Jaime Spengler, arcebispo de Porto Alegre, ou um dos bispos auxiliares trarão a visão do sagrado sobre temas importantes para a sociedade.