Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 15 de janeiro de 2020.

Jornal do Comércio


Alterada em 15/01 às 17h18min
COMENTAR | CORRIGIR

Testemunho concreto de fé

Por Dom Jaime Spengler, arcebispo metropolitano de Porto Alegre e primeiro vice-presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).
Por Dom Jaime Spengler, arcebispo metropolitano de Porto Alegre e primeiro vice-presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).
É comum por fé nas leis e na capacidade delas de regular comportamentos, determinar ações e orientar procedimentos. No entanto, o convívio social mostra que só porque uma lei foi criada, escrita e promulgada, ela não altera o comportamento humano e os procedimentos institucionais.
Seria simplista demais crer que ao delimitar um problema e criar instruções objetivas, dentro de quadro jurídico, se resolveriam os possíveis problemas que motivaram sua criação.
Em maio de 2019, o Papa Francisco publicou um documento intitulado “Vós sois a luz do mundo”, no qual aponta caminhos para fazer frente aos crimes de abusos de menores e pessoas com deficiência, perpetrados por membros da Igreja, especialmente “todos aqueles que, de diferentes maneiras, assumem ministérios na Igreja, professam os conselhos evangélicos ou são chamados a servir o povo cristão”. Esse documento faz parte de uma série de orientações que a Santa Sé tem adotado nos últimos anos, com o objetivo de proteger os “mais pequeninos” (Mt 18,6). É também reflexo da observação de Jesus Cristo: “Quem causar escândalo a um só destes pequenos que creem em mim, melhor seria que lhe amarrassem ao pescoço uma grande mó e o lançassem ao fundo mar... Ai daquele por quem surge o escândalo” (Mt 18,6.7).
Fazendo eco ao documento acima citado, a Arquidiocese de Porto Alegre está promovendo a instalação de uma Comissão Arquidiocesana Especial de Promoção e Tutela de Crianças, Adolescentes e Pessoas Vulneráveis. Seu objetivo é pesquisar, desenvolver e promover material formativo. Além disso a Comissão terá como objetivo acolher e encaminhar possíveis denúncias de abusos de menores por parte de seus membros.
A Comissão será composta por presbíteros e membros da sociedade civil: psicólogo, psicopedagogo, juristas e membros das forças de segurança. Ela contará com a infraestrutura necessária para bem realizar sua missão.
A instalação da Comissão está prevista para a próxima Quarta-feira de Cinzas (26/02), durante a celebração da Santa Missa, na Catedral Metropolitana.
“Nosso Senhor Jesus Cristo chama cada fiel a ser exemplo luminoso de virtude, integridade e santidade. Com efeito, todos nós somos chamados a dar testemunho concreto da fé em Cristo na nossa vida e, de modo particular, na nossa relação com o próximo” (Papa Francisco).
Posses e nomeações do clero - A Arquidiocese de Porto Alegre divulgou esta semana a nomeação do novo Vigário Episcopal do Vicariato de Guaíba. Quem assume a missão é o padre Adilson Corrêa da Fonseca, pároco da Paróquia Santa Bárbara, de Arroio dos Ratos. Padre Adilson foi ordenado presbítero no dia 19 de dezembro de 2003, na Paróquia São José Operário, de Alvorada. O sacerdote segue como referencial da Comissão Arquidiocesana de Justiça, Caridade e Paz; Referencial da Comissão de Iniciação à Vida Cristã e da Pastoral Carcerária, ambos do Vicariato Episcopal de Guaíba. A Arquidiocese de Porto Alegre agradece pela contribuição do padre Bonifácio Zimmer, saúda o novo vigário episcopal e roga à Mãe de Deus que abençoe seu trabalho e serviço à frente do Vicariato de Guaíba. Também foi divulgada a data das posses do clero que ocorrem neste mês de janeiro de 2020. Para consultar, acesse: https://bit.ly/Posses_janeiro
Preparação para a Páscoa - "Cristo Vive e te quer vivo". O tema da Exortação Apostólica Pós Sinodal do Papa Francisco é agora inspiração para o subsídio de preparação para a Páscoa, oferecido pelo Regional Sul 3 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). Em sintonia com o tema da Campanha da Fraternidade deste ano, “Fraternidade e vida: dom e compromisso”, o material propõe para a Quaresma uma reflexão sobre a situação da vida ameaçada em diferentes ambientes da sociedade. Reforçando que a vida é sempre uma reciprocidade de cuidado de Deus e da humanidade, o livreto traz justamente as reflexões em torno da defesa da vida, sugerindo quatro encontros e roteiros para a Via-Sacra e para a Celebração Penitencial. O material poderá ser adquirido nas secretarias das paróquias ou na Loja Centro de Pastoral, no Centro Administrativo São João Paulo II, localizado na Av. Sertório, 305, bairro Navegantes, em Porto Alegre.
Economia de Francisco - De 26 a 28 de março deste ano, Assis, a cidade de São Francisco na Itália, vai receber mais de 2 mil economistas e empreendedores com menos de 35 anos, de diversos países, para participar do encontro “A Economia de Francisco”, evento convocado pelo Papa. Até então, foram mais de 3.300 pedidos de inscrição enviados de mais de 115 países. Os países com maior número de inscritos são Itália, EUA, Argentina, Espanha, Portugal, França, México, Alemanha, Grã-Bretanha e Brasil, de onde deve sair cerca de 30 participantes. A cidade será organizada em 12 “aldeias” que acolherão os trabalhos dos participantes sobre grandes temas e questões apresentados pela economia: trabalho e cuidado; gestão e dom; finança e humanidade; agricultura e justiça; energia e pobreza; lucro e vocação; políticas para a felicidade; CO2 da desigualdade; negócios e paz; economia e mulher; empresas em transição; vida e estilos de vida. Os participantes da Economia de Francisco são jovens pesquisadores, estudantes, doutorandos; empreendedores e dirigentes empresariais; inovadores sociais, promotores de atividades e organizações locais e internacionais. Eles lidam com o meio ambiente, pobreza, desigualdades, novas tecnologias, finanças inclusivas, desenvolvimento sustentável; em síntese, se preocupam com o bem estar das pessoas. Para saber mais, acesse: https://francescoeconomy.org/
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia
Dom Jaime Splengler
Dom Jaime Splengler
A Arquidiocese de Porto Alegre renova sua tradicional coluna no Jornal do Comércio, antes intitulada "A Voz do Pastor", e passa a chamá-la "Olhar da Fé", com publicação exclusiva na versão online do veículo. Todas as quintas-feiras, Dom Jaime Spengler, arcebispo de Porto Alegre, ou um dos bispos auxiliares trarão a visão do sagrado sobre temas importantes para a sociedade.